Jaspe Madeira e seus significados e propriedades

Jaspe Madeira e seus significados e propriedades

O Jaspe Madeira é uma pedra extremamente ligada às energias da Terra, sendo capaz de nos prover equilíbrio em todas as áreas da vida. No corpo físico ele atua melhorando o nosso sistema imunológico e auxilia energeticamente o nosso corpo a purificar as energias, é excelente para ajudar a colocar as idéias e projetos em prática, para por fim a velhos padrões ,estimular os processos mentais , alcançar equilíbrio e assentamento, ancorar as energias, para equilibrar o físico e o mental.

A pedra Jaspe Madeira nos ajuda a ser mais compreensivo com o nosso próximo,também fortalece a memória, além disso é uma excelente pedra de proteção pois repele a negatividade. Ajuda a equilibrar o sistema físico, aumentar a sua energia, centralizar e manter os pés no chão, concentrar-se , achar soluções para problemas, auxilia na eliminação de medos escondidos, de repressão, trabalha questões cármicas, traumas atuais, traz o Eu Superior de volta.

Para usufruir das qualidades desta pedra, você pode simplesmente segurá-la por um tempo em sua mão, fazer o elixir para tomar, deixar em um copo com água preferencialmente a noite e depois tomar em jejum pela manhã, ou durante a meditação ou usar entre os pés para absorver as energias da terra.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE MADEIRA

Chakra: Base

Elemento: Terra

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Touro e Virgem

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Provê equilíbrio para a vida
  • Purifica as energias
  • Ajuda a colocar os projetos em prática
  • Elimina velhos hábitos
  • Estimula os processos mentais
  • Assentamento de energias
  • Compreensão
  • Fortalece a memória
  • Repele as energias negativas
  • Ajuda a encontrar soluções para os problemas
  • Trabalha questões cármicas
  • Trabalha os traumas atuais
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Melhora o sistema imunológico
  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Jaspe e seus significados e propriedades

Jaspe e seus significados e propriedades

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

 

FICHA TÉCNICA DO JASPE

Chakra: Base

Elemento: Terra

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Touro e Virgem

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

ENCONTRE AQUI diferentes tamanhos, formas e até mesmo bijuterias JASPE através da nossa loja virtual clicando aqui.

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Fuchsita Rosa e seus significados e propriedades

Fuchsita Rosa e seus significados e propriedades

A Fuchsita Rosa tem propriedades similares ao quartzo rosa pois atua no chakra cardíaco, estimulando o equilíbrio das emoções e sentimentos. Emite a energia do amor e da paz no ambiente ou em quem a tocar. É recomendada aos terapeutas holísticos, pois é capaz de canalizar informações sobre ervas e remédios. fortalece o nosso sistema imunológico e ajuda muito nos casos de osteoporose e outros problemas no sistema ósseo.

A Fuchsita é um mineral que herdou seu nome do mineralogista alemão Johann Nepomuk von Fuchs. Forma-se em rochas metamórficas e é comum em depósitos de malacachetas associada à biotita, dolomitas e mármores. As maiores e melhores jazidas continuam sendo as da Áustria e dos Alpes Italianos do Tirol. Tem depósitos também em outras regiões da Itália, nos Montes Urais de Rússia e no Brasil, embora nenhum espécime se aproxime à qualidade dos cristais austríacos.

Este cristal pertence à classe de silicatos e é uma variedade de muscovita verde por seu alto teor de cromo. São apresentadas em lâminas de forma hexagonal e tem origem em rochas metamórficas, como gnaisses, ardósias, mica xisto, córnea.

Este cristal tem em sua composição potássio, cromo e alumínio, componentes que trazem vários benefícios ao corpo físico: O potássio ajuda a regular a atividade dos tecidos musculares especialmente dos intestinos, do coração e do esqueleto. O cromo metaboliza a glicose (açúcar=doce=afeto) em nosso organismo e o alumínio, que apesar de em demasia ser prejudicial ao corpo humano, é o metal mais versátil, depois do aço, para fazer ligas metálicas. Toda esta mistura faz da Fuchsita um grande neutralizador das emoções, ansiedades, raivas, medos, ressentimentos e principalmente do excesso de antipatia ou simpatia que outras pessoas nos causam.

Este cristal, também chamado de mica verde, nos auxilia a conviver em ambientes ou com indivíduos que nos causam mal estar ou nos faz ter algum tipo de atitude que não é comum à nossa personalidade, seja temporário ou não. Muitas vezes absorvemos e  retemos emoções alheias sem saber, e isso vai desencadeando uma série de conflitos que não são nossos e nem tomamos consciência porque de onde tudo começou. A Fuchsita impermeabiliza essas emoções externas e também nos faz refletir sobre o que significa essa sensação desconfortável que alguns nos causam e a perguntar “o que devo aprender com essa pessoa, qual a parte de mim, e que nego, ela representa?”  

A Fuchsita é usada para melhorar a compreensão dos processos vitais. Ela melhora a percepção dos assuntos relacionados com a própria vida, incluindo os problemas e as soluções relacionadas com o próximo, com os interesses de grupo, com os objetivos pessoais e com o bem-estar. Também ajuda a eliminar todo complexo de inferioridade, iluminando a percepção de que todos possuímos um mesmo valor inato. Ajuda a recuperar as energias da calma após uma situação muito tensa, seja no plano físico ou emocional.

É usada para melhorar a compreensão e as atitudes no campo das lidas legais e nas terapias da medicina holística.

No plano metafísico a Fuchsita tem sido muito usada na meditação, onde ela tem sido muito requisitada para conseguir informações importantes sobre a manutenção da saúde física, sobre as rotinas diárias a serem cumpridas, sobre os compromissos e os encontros. Os esotéricos mais avançados usam a Fuchsita para conseguir informações dos Mestres espirituais sobre o valor terapêuticos das ervas e sobre a medicação holística. A Fuchsita ajuda na transferência das energias de outros minerais.

Chamamos a Fuchsita também para  dissolver pensamentos doentios que podem gerar sentimentos angustiantes, somatizando-os no corpo físico e comprovamos, então, a boa ação dos três principais elementos- o potássio, o cromo e o alumínio.   

Elementos que equilibram a musculatura dos intestinos, coração e esqueleto para que deixemos passar as emoções prejudiciais, preenchemos nosso coração com esperança e sentimentos doces para que sejamos suficientemente maleáveis para aceitar a nós mesmos e ao outro na totalidade e assim liberarmos a constrangedora energia da extrema simpatia ou antipatia em sua luz verde prateada.

A Fuchsita também tem sido usada para equacionar os teores de glóbulos brancos e vermelhos do sangue. Para melhorar a postura da coluna e aumentar a flexibilidade dos músculos.

FICHA TÉCNICA DA FUCHSITA ROSA

Chakra: Baço e coração

Origem:  Brasil, Rússia, Itália, Áustria, Índia, Paquistão

Signo: Aquário e Touro

Dureza: 2 – 2,5  Mohs

Composição:  Silicato de alumínio, cromo e potássio, podendo conter até 5% de Cr2O3

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Ajuda a sair das relações familiares não saudáveis
  • Proteção
  • Cura
  • Determinação
  • Ensina acerca da cura física e emocional
  • Transferência de energia
  • Calma
  • Equilibra as emoções e sentimentos
  • Traz amor e paz ao ambiente

Efeitos terapêuticos:

  • Equilibra a musculatura dos intestinos
  • Coração
  • Esqueleto
  • Coluna
  • Juntas

Especularita e seus significados e propriedades

Especularita

A Especularita é uma variedade de hematita, também conhecida como hematita especular por causa da sua cor metálica que brilha contra um fundo cinza ou preto, contendo cristais de quartzoprismáticos que brilham na sua superfície altamente reflexiva.

O nome hematita vem do grego: hemos= sangue, em referência à cor vermelha do traço do mineral. É uma pedra opaca de cor cinzenta, encontrada em quase todo o mundo, principalmente no Brasil, Inglaterra, Alemanha e EUA. É um mineral de fórmula química óxido de ferro III, (Fe2O3), sendo constituído por 70% de Ferro e 30% de Oxigênio. É um mineral muito comum, sendo o principal constituinte do minério de ferro, possui brilho metálico e coloração preta, cinza, marrom, marrom avermelhado ou vermelho. As variedades são: “bloodstone”, rosa de ferro, minério do Kidney, martita (pseudomorfose por oxidação da Magnetita), pintura (hematita com brilho especular), hematita irisada e titano-hematita.

A hematita é um mineral que trabalha a metamorfose, incorporando elementos espirituais na forma física. A essência da hematita é de cor vermelha (quando passa por processos de polimento a água que escorre dela sai completamente vermelha) e por isso tem efeito direto sobre o sangue e sua circulação no corpo humano. O fato de a essência dessa pedra ser vermelha, em vez de preta-prateada, significa que a Hematita estimula o poder da energia criativa invisível inata (vermelho), ao mesmo tempo que estende sua influência à manifestação revelada (preto).

Hoje, o minério de ferro é largamente utilizado na indústria e está presente em nosso dia a dia sob diversas formas. Temos a utilização deste minério na produção de chinelos e colchões com ímãs com o objetivo de promover saúde, a água “magnetizada” com hematita se tornou um elixir popular e muito funcional, assim como chinelos e utensílios diversos.   A essência vermelha da Hematita exerce um efeito direto e revitalizante sobre o sangue humano e seu sistema circulatório. Ela é excelente pedra curativa para qualquer mal sanguíneo.     

Hematita é uma pedra de Alta Freqüência energética com a propriedade de movimentar ondas vibracionais capazes de promover desbloqueios energéticos, dissipando as toxinas e energias eletromagnéticas paradas. Em outras palavras, esta pedra é doadora incondicional de vida, movimento e ação. Ela é capaz de tratar inchaços pois movimenta e desbloquear a energia parada; trata de traumatismos localizados, provenientes de pequenas batidas ou pancadas, não deixando “ficar roxo” se colocada logo após. Trata da circulação sangüínea, produção e qualidade do sangue. É auxiliar no tratamento de anemias, favorecendo vibracionalmente a absorção do ferro pelo organismo, trazendo a revitalização orgânica. Tem também uma propriedade depurativa ajudando o organismo na eliminação de toxinas do sangue. Auxilia no alinhamento energético e também é auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico de forma vibracional.

Outro aspecto é a utilização religiosa, sabemos que é uma importante pedra de “proteção”, pois representa um metal de muita conexão com divindades da guerra, os grandes Guerreiros Protetores. Hoje em dia é muito comum vermos pessoas utilizarem colares de pedras consagrados às energias Divinas Protetoras.

A hematita ocorre em rochas ígneas, metamórficas, sedimentares, como granitos, sienitos, traquitos, andesitos, hematita quartzitos (em camadas com grande espesura) e ambiente hidrotermal. Criada da terra e do éter gasoso, esta pedra energizante é devotada à essência do corpo luminoso, bem como o corpo físico fazendo uma ligação direta entre a essência do espírito e as frequências mais densas do plano terrestre. A Hematita é criada quando o ferro se oxida ao entrar em contato coma água, mostrando que essa pedra está intimamente ligada à água, e a água por sua vez é comparada com o sangue da Terra porque nutre todas as coisas vivas do planeta, tal como o sangue nas veias do corpo alimenta toda célula viva.

A Hematita tem efeitos maravilhosos sobre o sangue do nosso corpo. Ela é apropriada em quase todas as moléstias do sangue. Regula a pressão sangüínea e regenera as células. No caso do estreitamento das veias e dificuldade de circulação, a Hematita presta extraordinários serviços. Ela também provoca efeitos irradiantes sobre o organismo e é apropriada para absorver as irradiações da terra e da água. Colocada sob o travesseiro, ajuda a Ter sono mais profundo.

A Hematita constrói um escudo protetor sobre nós, permitindo-nos viver de maneira mais corajosa, sem dificuldades e com maior consciência de nossas metas. Não permite que as influências negativas penetrem em nós. As opressões da alma são minoradas. Ela nos oferece mais espontaneidade e alegria de viver. Desenvolvemos autoconfiança e podemos tomar rédeas das nossas vidas, tornando-nos menos dependentes dos outros. Na meditação, a Hematita irradia de modo que possamos viver com extraordinária calma. É muito apropriada como anel de proteção durante a meditação.

É uma pedra muito indicada para quem precisa de disposição para o trabalho, capacidade de se relacionar com outras pessoas, negociação habilidosa, fortalecimento, disposição para novos empreendimentos, realização, sono, gravidez. Ela alivia as perturbações da menstruação, traz vitalidade, frescor, aparência juvenil, auxilia no bem estar dos olhos, pernas, renovação do sangue, alivia prisão de ventre e problemas nos pés, articulações, pele, cabeça, fígado, baço.

Os depósitos de hematita cinzenta são encontrados tipicamente nos lugares onde houver água parada ou fontes de água mineral quente, tais como aqueles em Yellowstone (EUA). O mineral pode ser encontrado fora da água ou no fundo de um lago ou outro lugar com água parada. No entanto, a hematita pode também formar-se em ausência de água, como resultado da atividade vulcânica.

Os antigos egípcios apreciavam a Hematita como pedra irradiante, que propiciava a paz e seus efeitos terapêuticos em silêncio. Por esse motivo, a Hematita foi também usada como dádiva de enterros, para ser colocada debaixo do travesseiro do falecido, a fim de lhe propiciar o seu caminho para a eternidade. O próprio Tut-Ench-Amun foi acompanhado da Hematita em sua viagem para o infinito.As mulheres egípcias dormiam com a hematita debaixo do travesseiro para que seus bebês nascessem perfeitos (foi encontrada nos sarcófagos das múmias femininas).No Egito, ela era associada também ao renascimento dos mortos em outra dimensão, pois algumas múmias foram colocadas sobre travesseiros de hematita.

Há também o mito de que seria uma “Pedra Sagrada”, representando o “sangue dos deuses”, dando vida a tudo que tocasse. Na Idade Média, era muito utilizada pelos Alquimistas, que por sua vez, acreditavam que possuía poderes mágicos, pois, se fosse marcada sua superfície, ela “misteriosamente” se curava, desaparecendo os riscos. A Hematita foi a pedra predileta dos antigos guerreiros que a utilizavam em seus peitorais e armaduras e estava  associada à força, à virilidade, à guerra. Os guerreiros esfregavam-na no corpo para dar invulnerabilidade, pois sempre foi associada ao planeta Marte. É usada para proteger contra danos ou ferimentos causados por acidentes de carros.

A pedra Hematita é uma das melhores pedras para ativar a Estrela da Terra. Para que o corpo de luz estabeleça morada no plano físico, é preciso que seja feita uma identificação consciente com esse chakra. A Hematita fornece uma perspectiva divina e permite um entendimento mais profundo da natureza com eternas mudanças da realidade terrena. A Hematita metamorfoseou a própria natureza da dura realidade física ao unir o ferro e o oxigênio numa forma rara e bela. Ela está disposta a nos ensinar como fazer o mesmo. Mostrando as possibilidades ilimitadas quando a essência espiritual é fundida nas raízes do mundo físico.

    A Hematita tem o poder de canalizar energia espiritual diretamente ao sangue e estimular todas as células do corpo com uma força revitalizadora. Quando isso ocorre, há uma profunda mudança, ainda que sutil, no DNA que nos legado por eras de esquecimento; novos padrões são infiltrados, substituindo antigos programas codificados que dominaram a nossa consciência por milênios. A Hematita é uma das melhores pedras curativas para proteção e é maravilhoso parceiro quando se quer combater insônia, pois ela ajuda a aliviar a tensão criada por uma mente hiperativa, enquanto redireciona a sua força básica para o corpo, permitindo-lhe descansar.

FICHA TÉCNICA DA ESPECULARITA

Signo: Escorpião, Gêmeos, Áries

Chakra:  Primeiro raíz e oitavo

Energia: Alta vibração

Planeta:  Marte

Divindades: Tyr, Marte, Ares, Ogum e demais divindades da guerra

Profissão: Médicos, terapeutas, enfermeiros, profissionais da saúde, professores, taxistas, garçons de café, lojistas

Origem: Brasil, Inglaterra, Alemanha e EUA

Dureza: 5.5 – 6.5  Mohs

Composição química: Óxido de Ferro (Fe2 O3)

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Auto-confiança
  • Proteção contra baixa auto-estima
  • Escudo protetor contra ataques físicos
  • Projeção astral
  • Negociações
  • Questões legais e julgamentos
  • Justiça
  • Invulnerabilidade
  • Remove bloqueio energético
  • Trata desequilíbrios energéticos

Efeitos terapêuticos:

  • Circulação
  • Purificação sanguínea
  • Eficiente contra o alcoolismo
  • Regeneração dos tecidos
  • Dissipa dor de cabeça
  • Cura da histeria
  • Remove toxinas
  • Trata pequenos traumatismos
  • Dissipa hematomas
  • Eficiente contra anemia (Ajuda na absorção do ferro no sangue)

Jaspe Rosa e seus significados e propriedades

Jaspe Rosa e seus significados e propriedades

O Jaspe Rosa é conhecido como o “nutriente supremo” pois apoia e dá suporte em momentos de tensão, proporcionando tranquilidade e lembrando as pessoas para ajudar uns aos outros. Este mineral rosado aumenta a empatia, paz interior, ternura e amor.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

 

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE ROSA

Chakra: Coração

Elemento: Terra

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Áries

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Empatia
  • Paz interior
  • Ternura
  • Amor
  • Acalma as tensões
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Relaxante muscular
  • Ajuda na cura de problemas cardíacos
  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Jaspe Marrom Listrado e seus significados e propriedades

Jaspe Marrom Listrado e seus significados e propriedades

O Jaspe Marrom Listrado, também conhecido como Jaspe Policromo, é um mineral de proteção ao viajar entre  dois mundos muito apreciada por quem costuma fazer viagens xamânicas e astrais, é uma pedra que faz você se sentir parte da terra, se conectando com as pessoas por sua força e não por necessidade, ajuda efetivamente se integrar em tudo com foco, determinação e mantendo os pés no chão, auxilia na afirmação pessoal, libera medos escondidos, repressão profunda, é muito usada em regressão para vidas passadas, lembranças de eventos traumáticos marcantes atuantes na vida presente.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE MARROM LISTRADO

Chakra: Laringe e frontal

Elemento: Terra

Energia: Receptiva

Planeta: Saturno

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Touro e Virgem

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Protegem em Viagens astrais e xamânicas
  • Conexão com a terra
  • Foco
  • Auxilia na afirmação pessoal
  • Libera medos escondidos
  • Repressão profunda
  • Protege na maternidade
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Jaspe Marrom e seus significados e propriedades

Jaspe Marrom e seus significados e propriedades

O Jaspe Marrom, dentre todas as variações de Jaspe, é a que está mais sintonizada e ligada a energia do elemento Terra. Trás estabilidade física, emocional e espiritual além de equilíbrio e prosperidade. Sua estabilidade também afeta a saúde do corpo físico, trazendo enormes benefícios ao sistema imunológico e eliminando as toxinas.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE MARROM

Chakra: Base

Elemento: Terra

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Touro e Virgem

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Estabilidade
  • Equilíbrio
  • Prosperidade
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Sistema imunológico
  • Elimina toxinas
  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Jaspe Oceano e seus significados e propriedades

Jaspe Oceano e seus significados e propriedades

O Jaspe Oceano é uma pedra de grande alegria e espíritos elevados pois abre a percepção do usuário para os aspectos benevolentes da vida e eleva seu humor por meio de suas vibrações positivas. Quando a pessoa está sob a sua influência , é difícil levar seus problemas e dificuldades tão a sério como normalmente. O Jaspe Oceano ajuda a levantar o véu da negatividade que muitas pessoas usam conscientemente sobre seus olhos, e quando esse véu é levantado é mais fácil ver e apreciar as muitas bênçãos da vida. Estimula os Chakras do plexo solar , coração e garganta com suas vibrações benéficas, transmitindo o anseio para sentir , falar e agir mais positivamente. Estimula a expressão do amor nas palavras e feitos da pessoa e ajuda-a a perceber o que e quem ela ama de verdade.

Traz a consciência do momento presente, aliviando as preocupações com o futuro ou amargura em relação ao passado. Ela concede o alívio do estresse e escapismo , ajudando a pessoa a compreender o valor do aqui e agora. O Jaspe Oceano é muito útil para os que sofrem de Depressão pois sua capacidade de focar com suavidade a percepção da pessoa sobre os aspectos positivos e sadios da vida pode ser pode ser uma grande benção para os que estao perdidos em uma nuvem de escuridão. Ele pode ajudar indivíduos a abandonarem comportamentos autodestrutivos de vício, tornando-os conscientes do que estão fazendo e abrindo seus olhos para uma realidade melhor.

Suas vibrações positivas são amplificadas e espalhadas pelo campo de energia da pessoa para todos a sua volta, os praticantes de cura são aconselhados a colocar uma peça de Jaspe Oceano no espaço de cura, colocar uma pedra na mão do paciente ou em seu corpo pode tornar a pessoa mais receptiva para o trabalho. Na meditação, deixa a pessoa mais centrada e relaxada

Apesar de seu nome , é uma pedra poderosa do elemento Terra com propriedades de cura física maravilhosas.

Ela concede a pessoa o acesso a memória celular e outros padrões energéticos que entram na fisicalidade e se manifestam no corpo em nível celular.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”.

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE OCEANO

Chakra: Base, Garganta e Plexo Solar

Elemento: Terra

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Touro e Virgem

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Positividade
  • Alegria
  • Alivia a depressão
  • Auxilia a abandonar os vícios
  • Memória celular
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Fuchsita verde e seus significados e propriedades

Fuchsita verde e seus significados e propriedades

A Fuchsita Verde está relacionada ao 4º. Chakra (Cardíaco), e é um cristal que traz leveza e sutileza, faz que a pessoa aprenda a ter uma responsabilidade de forma leve e suave, clareia a mente, suavizando os problemas intensos. A Fuchsita Verde tem grande poder de cura pois alivia todo o movimento estressante do dia a dia. É indicada também para pressão alta, pulmão, tristezas e todos os problemas que afetam a mente, trabalha toda a carência mental e faz conexão com o mais alto trazendo a serenidade para a pessoa nos mostrando como fazer só o que é realmente necessário ou apropriado ao crescimento espiritual de outra pessoa e nos ajuda a não interferir enquanto ela aprende as suas próprias lições. A Fuchsita verde libera duas almas, para que cada uma possa seguir o seu próprio caminho.

Promove a diplomacia , discrição, imaginação, criatividade, apreciação da beleza.

A Fuchsita é um mineral que herdou seu nome do mineralogista alemão Johann Nepomuk von Fuchs. Forma-se em rochas metamórficas e é comum em depósitos de malacachetas associada à biotita, dolomitas e mármores. As maiores e melhores jazidas continuam sendo as da Áustria e dos Alpes Italianos do Tirol. Tem depósitos também em outras regiões da Itália, nos Montes Urais de Rússia e no Brasil, embora nenhum espécime se aproxime à qualidade dos cristais austríacos.

Este cristal pertence à classe de silicatos e é uma variedade de muscovita verde por seu alto teor de cromo. São apresentadas em lâminas de forma hexagonal e tem origem em rochas metamórficas, como gnaisses, ardósias, mica xisto, córnea.

Este cristal tem em sua composição potássio, cromo e alumínio, componentes que trazem vários benefícios ao corpo físico: O potássio ajuda a regular a atividade dos tecidos musculares especialmente dos intestinos, do coração e do esqueleto. O cromo metaboliza a glicose (açúcar=doce=afeto) em nosso organismo e o alumínio, que apesar de em demasia ser prejudicial ao corpo humano, é o metal mais versátil, depois do aço, para fazer ligas metálicas. Toda esta mistura faz da Fuchsita um grande neutralizador das emoções, ansiedades, raivas, medos, ressentimentos e principalmente do excesso de antipatia ou simpatia que outras pessoas nos causam.

Este cristal, também chamado de mica verde, nos auxilia a conviver em ambientes ou com indivíduos que nos causam mal estar ou nos faz ter algum tipo de atitude que não é comum à nossa personalidade, seja temporário ou não. Muitas vezes absorvemos e  retemos emoções alheias sem saber, e isso vai desencadeando uma série de conflitos que não são nossos e nem tomamos consciência porque de onde tudo começou. A Fuchsita impermeabiliza essas emoções externas e também nos faz refletir sobre o que significa essa sensação desconfortável que alguns nos causam e a perguntar “o que devo aprender com essa pessoa, qual a parte de mim, e que nego, ela representa?”  

A Fuchsita é usada para melhorar a compreensão dos processos vitais. Ela melhora a percepção dos assuntos relacionados com a própria vida, incluindo os problemas e as soluções relacionadas com o próximo, com os interesses de grupo, com os objetivos pessoais e com o bem-estar. Também ajuda a eliminar todo complexo de inferioridade, iluminando a percepção de que todos possuímos um mesmo valor inato. Ajuda a recuperar as energias da calma após uma situação muito tensa, seja no plano físico ou emocional.

É usada para melhorar a compreensão e as atitudes no campo das lidas legais e nas terapias da medicina holística.

No plano metafísico a Fuchsita tem sido muito usada na meditação, onde ela tem sido muito requisitada para conseguir informações importantes sobre a manutenção da saúde física, sobre as rotinas diárias a serem cumpridas, sobre os compromissos e os encontros. Os esotéricos mais avançados usam a Fuchsita para conseguir informações dos Mestres espirituais sobre o valor terapêuticos das ervas e sobre a medicação holística. A Fuchsita ajuda na transferência das energias de outros minerais.

Chamamos a Fuchsita também para  dissolver pensamentos doentios que podem gerar sentimentos angustiantes, somatizando-os no corpo físico e comprovamos, então, a boa ação dos três principais elementos- o potássio, o cromo e o alumínio.   

Elementos que equilibram a musculatura dos intestinos, coração e esqueleto para que deixemos passar as emoções prejudiciais, preenchemos nosso coração com esperança e sentimentos doces para que sejamos suficientemente maleáveis para aceitar a nós mesmos e ao outro na totalidade e assim liberarmos a constrangedora energia da extrema simpatia ou antipatia em sua luz verde prateada.

A Fuchsita também tem sido usada para equacionar os teores de glóbulos brancos e vermelhos do sangue. Para melhorar a postura da coluna e aumentar a flexibilidade dos músculos.

FICHA TÉCNICA DA FUCHSITA VERDE

Chakra: Baço e coração

Origem:  Brasil, Rússia, Itália, Áustria, Índia, Paquistão

Signo: Aquário e Touro

Dureza: 2 – 2,5  Mohs

Composição:  Silicato de alumínio, cromo e potássio, podendo conter até 5% de Cr2O3.

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Ajuda a sair das relações familiares não saudáveis
  • Proteção
  • Cura
  • Determinação
  • Ensina acerca da cura física e emocional
  • Transferência de energia
  • Calma
  • Liberdade
  • Carência mental
  • Diplomacia
  • Clareza mental

Efeitos terapêuticos:

  • Equilibra a musculatura dos intestinos
  • Coração
  • Esqueleto
  • Coluna
  • Juntas

Olho de Boi e seus significados e propriedades

Olho de Boi e seus significados e propriedades

A pedra Olho de boi, também conhecida como Olho de Tigre Vermelha ou Olho de Dragão, é uma pedra de sorte e de proteção, a pedra olho de boi combina a energia protetora do preto com a força de ação dos tons avermelhados e é excelente para o fortalecimento do raciocínio, da inspiração, da atividade mental, da coragem e das conquistas ensinando a sermos enérgicos de uma forma serena é uma pedra ligada à sobrevivência e ajuda a utilizar o nosso poder de sobrevivência em tempos difíceis ou conturbados, afastando o medo e os pesadelos além disso esta maravilhosa pedra aumenta a capacidade de liderança e auxilia no sucesso profissional e nos negócios no Corpo físico, ela é excelente no auxílio contra doenças respiratórias, ajuda a fortalecer o corpo em geral e os ossos em particular.

O cristal Olho de Boi tem uma forte ligação com a energia da mãe Terra, por isso transmite uma sensação de aconchego e proteção a quem o usa, esta é uma gema que proporciona grande força e constância quando iniciamos novos rumos e projetos, a sua capacidade de enraizamento é de grande valor para as pessoas que pretendem fazer muitas coisas, mas têm dificuldades em concretizar é uma gema que favorece a resistência física e mental proporcionando equilíbrio ao sistema nervoso, contribuindo para que a pessoa esteja mais centrada e tenha facilidade em alcançar os seus objetivos.

Em termos emocionais, a pedra Olho de Boi ajuda a eliminar traumas e a superar situações complicadas, o uso desta gema é benéfico nos processos em que decidimos mudar um hábito, ou de rotina, ela diminui as indecisões e dá flexibilidade necessária para adaptar-nos a novas circunstâncias, em termos espirituais, podemos contar com o Olho de Boi para reforçar as pontes entre os diversos planos astrais. Este cristal possui ligação com o Muladhara, o primeiro Chakra que se localiza na base da espinha dorsal e no Feng Shui está relacionado com o sector Oeste da casa.

É comum encontrar jogadores profissionais que utilizam esta gema como amuleto, para lhes dar sorte nas suas apostas pois este cristal tem uma forte energia Yin, o seu uso proporciona força e proteção de forma constante e profunda a cor base do Olho de Boi é o castanho, sobre a qual se formam faixas de tom castanho mais escuro, mas é normal encontrarem-se gemas em que a cor base é um castanho avermelhado, na escala de Mohs esta é uma gema que tem um grau de dureza entre 6,5 e 7 sendo que as suas principais jazidas de Olho de Boi estão localizadas na África do Sul e nos Estados Unidos.

Este deslumbrante cristal traz as energias de vibração da vitalidade e da integridade e reforça a integridade do Eu, ajuda no aterramento de energias sutis para o corpo físico, nos traz praticidade e a força de vontade para cuidar de nós mesmo a pedra Olho de Boi está relacionada ao chacra básico por isso ativa nosso instinto de sobrevivência e ajuda a usá-lo de uma forma correta este poder em tempos difíceis.

É uma pedra estimulante que supera a letargia e dá motivação e boa sorte. Nos ensina a sermos enérgicos de uma forma serena, trazendo a nós a confiança para atingirmos os nossos objetivos, sua cor predominantemente vermelha está relacionada ao Chakra Básico que a pedra representa. Fortalece a persistência, a resistência e a realização material desbloqueando o 1º. Chakra e também fazendo com que a pessoa acredite muito na vida. Portanto, ela é muito boa para depressão, desequilíbrio emocional, falta de fé e perda da autoconfiança, estimula a disposição física e a atividade mental tudo isso com os pés bem no chão.

Sua composição é de Dióxido de Silício com auxiliar em Ferro, Cromo e Manganês.

Tal como o olho de gato, o olho de falcão e o olho de tigre, é uma pedra de sorte e de proteção que combina a energia protetora do preto com a força de ação dos tons avermelhados. É um energizador cerebral, favorece o raciocínio, a inspiração, o poder e a atividade mental, a coragem e as conquistas, ensina a sermos enérgicos de uma forma serena.  

Dureza: 6,5 e 7 Mohs

Chakra: Base

Elemento: Terra

Origem: África do Sul e nos Estados Unidos

Composição química: Dióxido de Silício com auxiliar em Ferro, Cromo e Manganês

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Calma
  • Confiança
  • Liderança
  • Problemas de indecisão
  • Desequilíbrio emocional
  • Resistência
  • Realização material
  • Boa sorte
  • Autoconfiança

Efeitos terapêuticos:

  • Doenças respiratórias
  • Fortalece o corpo
  • Ossos

Cianita verde e seus significados e propriedades

Cianita verde e seus significados e propriedades

A cianita verde deriva da cianite ou cianita cujo nome deriva do grego kyanos, que significa azul, é um silicato tipicamente azul, mas que pode ser também incolor, verde ou castanho. É geralmente encontrada em pegmatitos metamórficos ou rochas sedimentares ricos em alumínio. É também chamada de distênio (ou distena) , que significa duas forças (do grego.sthenos) , porque tem durezas bem diferentes conforme a face considerada.

A cianite é um polimorfo da andaluzita e da sillimanita. É um mineral fortemente anisotrópico. Na escala de Mohs, a sua dureza varia entre 4,5 e 7,0, dependendo da direção cristalográfica. Dureza variável é uma característica de quase todos os minerais, mas variação tão grande como a da cianita não é comum e considera-se um traço identificativo.

A cianita verde brasileira costuma costuma ter cristais translúcidos que carregam uma vibração suave e doce. Seu tamanho os torna perfeitos para trabalhos no corpo físico e enfeites, seus cristais também são ótimos para manter em seu bolso ou bolsa quando precisar das energias de suporte da Cianita Verde.

A cianita verde trabalha com todos os Chakras, concentrando-se mais no Chakra do Coração e é especialmente útil para aqueles que procuram e / ou aprendem a discernir a verdade de qualquer assunto ou situação, incluindo a mídia e a política. Carregar uma cianita verde junto com você pode ajudar quando estiver na companhia de outros dos quais você não se sente seguro, ajudando você a procurar dentro do coração dessa pessoa para ver seus verdadeiros motivos por trás de qualquer declaração ou ação.

A cianita verde é freqüentemente usada para entrar em contato com os espíritos da natureza, tanto que alguns amantes de plantas colocam cianitas verdes no solo de uma planta em vaso para melhorar seu crescimento e resistência. Meditar com uma gema de Cianita Verde pode ajudar a transferir informações do Chakra do Terceiro Olho para o Coração, onde pode ser assimilado na sabedoria consciente para aplicação no domínio físico. Esses encantadores cristais de cianita verde emitem uma vibração palpável do amor divino quando alguém está em sintonia com eles.

A cianita verde transmite e amplifica as energias de alta freqüência, tornando-se uma pedra excelente para sintonizações e meditação que traz uma energia calmante e tranquilizante para o corpo. A cianita verde aclara e acalma você em preparação para a meditação e ajuda a receber pensamentos intuitivos e psíquicos, bem como recordar os sonhos. A cianita verde restaura Qi (ou Ki) para o corpo físico e equilibra as energias yin / yang.

Embora a cianita verde possa não precisar de limpeza constante com a maior parte da maioria dos cristais, sugerimos que limpe sua gema de cianita verde sempre que for necessário, com base em na quantidade de uso diário que ela recebe (tempo que o seu cristal está trabalhando para você) e a quantidade de energia em que seu cristal foi exposto durante um período de tempo. Ao limpar seus cristais, certifique-se sempre de que sua intenção está claramente indicada, então o cristal saberá que está sendo dispensado algum tempo e precisa se recarregar.

Cianita Verde facilita a conexão com a sua verdade interior. Te ajuda a discernir a verdade em qualquer circunstância inclusive mídia e política. Possui forte conexão com os espíritos da natureza, e é ótima para ser levada em caminhadas. Durante meditações traz as energias dos reinos mais elevados para o seu chacra cardíaco onde estas frequências poderão ser assimiladas por sua sabedoria interior. Acalma, relaxa e tranquiliza o corpo físico, ajuda  aliviar depressão, ansiedade e estresse. Oferecendo esperança e apoio para o reajuste interno necessário para mudanças positivas. Melhora a intuição. Ensina a olharmos mais para dentro de nós mesmos e menos para o exterior, desta forma te alinha com seu verdadeiro caminho espiritual nesta vida.

FICHA TÉCNICA DA CIANITA VERDE

Dureza: 4,5 a 6,5 Mohs

Chakra: Coração

Vibração: Alta

Elemento: Terra

Origem: Brasil, Índia, Rússia

Composição química: Al2_SiO5_Aluminum_Silicate

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Cura
  • Proteção
  • Poder
  • Ame
  • Consciência
  • Depressão
  • Alinha Todos os Chakras
  • Protege contra a intrusão psíquica
  • Comunicação com espíritos da natureza
  • Sonhando
  • Crescimento pessoal
  • Limpeza e Purificação
  • Auto-cura
  • Verdade do Coração
  • O Coração Alto
  • Visões psíquicas
  • Canalização
  • Sabedoria Consciente
  • Projeção astral
  • Sonho lúcido
  • Esperança
  • Auto desenvolvimento
  • Alinhamento da energia
  • Ajuda a encontrar o propósito espiritual mais elevado para a encarnação
  • Balanceia o Chakra do Coração e ajuda a manter o equilíbrio do coração
  • Alinha e Abre todos os Chakras
  • Abre e alinha os centros de energia
  • Transmite e amplifica as energias de alta freqüência
  • Alinha todos os corpos sutis
  • Ajuda a se conectar ao bom aspecto de si mesmo
  • Permite que a pessoa veja sua verdadeira natureza
  • Suporta mudanças em nosso coração que devem ser feitas para seguir nosso caminho
  • Ajuda os corpos físicos e etéricos a concentrar energia e intenção em nosso bem mais alto
  • Coloque em uma panela de uma planta para melhorar o seu crescimento e resistência
  • Facilita a conexão de alguém com sua verdade mais profunda (encontrada apenas dentro do coração)
  • Ajuda alguém a identificar os motivos das pessoas
  • Usado para fazer contato com espíritos da natureza (Fadas, Gnomos, Devas, etc.)
  • Facilita a projeção astral, sonhos lúcidos e outros trabalhos de sonho
  • Ajuda a descobrir sua voz interior para o crescimento pessoal

Efeitos terapêuticos:

  • Cura
  • Doenças cardíacas
  • Ritmia
  • Previne infarto

Morganita e seus significados e propriedades

Morganita e seus significados e propriedades

A Morganita rosa é encontrada no Brasil, Tailândia, Madagascar, África e Estados Unidos e seus cristais rosa são maravilhosamente transparentes. Quando foi descoberta na Califórnia, o comprador de joias da Tiffany, Kunz, comprou tudo o que podia e vendeu para o colecionador de pedras preciosas, J.P. Morgan, de onde provém o nome deste cristal encantador. Foi Morgan o dono do maior exemplar de Morganita encontrado até então. Este lindo cristal ativa, limpa e energiza os chacras do coração e do timo, ajudando a fluir o amor em nossas vidas. Pessoas de ambos os sexos encontrarão benefícios ao usar a Morganita. Mas, para as mulheres, a Morganita ajuda a perceber que podem ser independentes dos homens e sentir a harmonia com as energias masculinas. Para os homens, a Morganita possibilita que equilibrem suas energias masculinas e femininas sem que percam a masculinidade.

A Morganita nos ensina a fazer apenas o necessário. É uma ótima pedra para quem precisa enfrentar uma vida estressante e abrir mão das bagagens desnecessárias.Atrai o amor e ajuda a conservá-lo. Trata-se de uma pedra que estimula pensamentos e atitudes amorosas, abrindo espaço para que possamos apreciar a vida e aproveitá-la.

Por ser uma pedra cor-de-rosa, ela ativa e purifica o Chakra do coração, alivia o estresse do dia-a-dia e beneficia todo o sistema nervoso. Alinhando com o Chakra Umeral propicia a recepção e transmissão de energia do amor incondicional.

Essa pedra nos ajuda a reconhecer os nossos mecanismos de fuga, as nossas intransigências e o nosso egoísmo, que bloqueiam nosso avanço espiritual. Ajuda-nos a tomar consciência das necessidades da nossa alma que foram negligenciadas.

Auxilia no reconhecimento de necessidades emocionais não-satisfeitas e de sentimentos que não foram expressos. É uma pedra poderosa para combater a resistência consciente ou inconsciente à cura e à transformação, eliminando a vitimização e abrindo o coração para receber amor e cura incondicionais.

A energia das morganitas rosas ou salmão tem bom efeito e ajuda na cura das vias urinarias, sobre os músculos, câimbras, e dores da coluna. A morganita é uma gema de tonalidade rosa que, apesar de belíssima, ainda é pouco conhecida pelos apreciadores e compradores de joias. Isso pode ser facilmente exemplificado se ela for comparada a outras pedras preciosas, pertencentes ao grupo dos berilos, a qual faz parte, como a água-marinha e a esmeralda.

Este fato pode estar associado ao seu recente reconhecimento. Apesar de ter sido encontrada há milhares de anos, foi somente em 1911 que os gemólogos a nomearam e atestaram-na como uma legítima pedra preciosa, e não somente como uma variação de um mineral berilo. Em sua forma natural, pode ser encontrada como um cristal ou uma passa petrificada, com poucas inclusões. Sua cor rosa é resultado da presença do manganês e do ferro em sua composição, mas ela também pode surgir em tons de laranja-rosado e salmão, sempre translúcidas (a variação dos elementos químicos é que será responsável pela tonalidade). Minas Gerais é um dos estados brasileiros que mais a produz, porém, a morganita pode ser encontrada também em jazidas de países como o Afeganistão, Madagascar e Estados Unidos.

A morganita é reconhecida misticamente por seus efeitos terapêuticos sobre as vias urinárias, os músculos, a respiração e a digestão. Em relação à psique, ela atua emitindo fortes vibrações, auxiliando pessoas inquietas a terem mais calma e confiança no dia a dia. O planeta que a rege é Vênus e ela é associada ao signo de Libra. Tem uma energia protetiva e é uma gema poderosa para aqueles que se vitimizam constantemente, ajudando a reconhecer pensamentos de fuga.

Aos 53 anos de casados, comemora-se Bodas de Morganita. A gema, que tem como símbolos o amor e os sentimentos, é referência para aqueles que estão há muitos anos juntos. Portanto, presentear um casal nesta data comemorativa com uma joia com esta gema, é uma atitude muito significativa.

Mas você não precisa esperar tantos anos para ofertar a uma pessoa especial uma joia com uma morganita, há os aniversários, natal, formaturas, etc. Nos EUA, por exemplo, esta tem sido uma pedra bastante procurada para anéis de compromisso em um namoro. E independente do momento, não faltarão oportunidades para surpreender alguém com esta belíssima gema.

FICHA TÉCNICA DA MORGANITA

Dureza: 7,5-8 Mohs

Signo: Libra

Chakra: Cardíaco

Elemento: Ar

Planeta: Vênus

Origem: Brasil, Madagascar, Sudoeste da África, EUA, Tailândia

Composição química: Be3Al2Si6O18

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Calma
  • Confiança
  • Limpa a alma
  • Amor
  • Autoconfiança
  • Amor próprio
  • Renovação emocional
  • Telepatia
  • Sentimentos
  • Oráculo

Efeitos terapêuticos:

  • Sistema urinário
  • Relaxante muscular
  • Câimbras
  • Lumbago
  • Dores da coluna
  • Regula o batimento cardíaco
  • Respiração
  • Digestão

Magnesita e seus significados e propriedades

Magnesita e seus significados e propriedades

Magnesita ou magnesite é um mineral composto por carbonato de magnésio (MgCO3). O magnésio pode ser substituído por ferro formando-se uma série isomorfa com a siderita (FeCO3). Pode conter pequenas quantidades de níquel, cobalto, cálcio e manganês. A dolomite (Mg,Ca)CO3, é praticamente impossível de distinguir da magnesita, esta que ocorre em veios e serpentinitos ou como produto de alteração destes ou de outras rochas ricas em magnésio em zonas de metamorfismo regional ou de contato. Estas magnesitas são muitas vezes criptocristalinas e contêm sílica na forma de opala e cherte.

Entre os atributos da Magnesita estão a capacidade de promover paz na meditação e no relaxamento. Colocada sobre o terceiro olho, esta pedra aumenta a visualização e as imagens. Ela abre o chakra do coração e estimula o amor sincero, incluindo o amor próprio, o qual é necessário antes que se possa receber o amor de outras pessoas tornando esta pedra muito útil na prática do amor incondicional, em situações onde os relacionamentos com outras pessoas são difíceis devido ao seus comportamentos ou vícios. Ela ajuda a se sentir em equilíbrio, a manter-se sereno e permite à outra pessoa ser totalmente o que é sem  que haja exigências de mudanças ou ser afetado pelas dificuldades que a outra pessoa vive.

Psicologicamente, a Magnesita ajuda a reconhecer pensamentos e sentimentos  inconscientes e explorar os motivos para que existam, levando-nos até o passado, se necessário, induzindo atitudes positivas diante da vida. A Magnesita ajuda as pessoas egoístas a se colocarem em segundo plano e as ensina a ouvir atentamente os outros.

Sua forma semelhante ao cérebro, proporciona um poderoso efeito sobre a mente, trazendo para os hemisférios harmonia e estimulando ideias e onde aplicá-las, proporciona efeito calmante sobre as emoções, oferecendo paciência nos períodos de stress emocional, ajuda as pessoas nervosas e medrosas e, ainda, os auxilia a superar a intolerância e a irritabilidade.

Esta pedra contém um alto nível de magnésio e ajuda o corpo a absorver esta substância, este cristal maravilhoso desintoxica e neutraliza os odores corporais, atua como relaxante muscular e age como um agente antiespasmódico, trata dos problemas menstruais, estomacais, intestinais e vasculares, alivia as dores ocasionadas pelas pedras renais e da vesícula biliar, acelera o metabolismo, ajuda a tratar dos problemas dos ossos e dos dentes e previne a epilepsia, abaixa o colesterol ruim e previne contra angina e arteriosclerose. É muito útil na prevenção de doenças do coração, equilibra a temperatura corporal, abranda a febre e calafrios.

A Magnesita possui potentes propriedades metafísicas e sua vibração é impressionante. Ela pode ter vários tipos de efeitos, dependendo do que se quer obter. Usada na meditação, a Magnesita permite entrar em sintonia com a energia do coração permitindo à mente responder aos desejos do coração. Isso ajuda a viver em equilíbrio e alinhamento com as necessidades e aspirações do coração. Por ensinar a ter amor próprio, a Magnesita eleva a auto-estima.

Devido à sua semelhança com a Turquesa, a Magnesita tem sido vendida como Turquesa branca mas, na verdade, são pedras completamente diferentes. É encontrada mais facilmente na cor branca mas ela pode ser,também, cinza, rosa, marrom e amarela. É encontrada em poucos lugares, entre eles, Áustria, Polônia,Itália, África do Sul e Brasil, sendo as brasileiras as melhores.

A Magnesita ajuda a compreender os outros, compreendendo primeiro a si próprio, pois faz-nos prestar a atenção nas áreas onde podemos estar enganando a nós mesmos. Ela permite que olhar para si próprio mais claramente. Este tipo de introspecção e é um excelente atributo pois, enquanto não houver honestidade com si próprio, fica difícil conduzir bem a vida.

FICHA TÉCNICA DA MAGNESITA

Dureza: 3,5 – 4,5 Mohs

Vibração: Alta

Origem: Áustria, Polônia,Itália, África do Sul e Brasil

Composição química: MgCO3

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Auto reflexão
  • Trabalha o egoísmo
  • Empatia
  • Estimulante de ideias
  • Acalma as emoções
  • Ajuda a superar a intolerância e irritabilidade

Efeitos terapêuticos:

  • Melhora a absorção do magnésio
  • Desintoxica e neutraliza os odores corporais
  • Relaxante muscular
  • Problemas menstruais, estomacais, intestinais e vasculares
  • Alivia as dores ocasionadas pelas pedras renais e da vesícula biliar
  • Acelera o metabolismo
  • Ajuda a tratar dos problemas dos ossos e dos dentes
  • Previne a epilepsia
  • Abaixa o colesterol ruim
  • Previne contra angina e arteriosclerose
  • Equilibra a temperatura corporal, abranda a febre e calafrios

Imã de Hematita e seus significados e propriedades

Imã de Hematita e seus significados e propriedades

O Imã de Hematita é usado na terapia magnética ou Magnetoterapia, que é conhecida e disseminada em todo mundo e considerada como medicina alternativa devido a sua eficácia nos órgãos reguladores de medicina. São diversos tratamentos alternativos e produtos que prometem alívio de dores, emagrecimento e até a cura de algumas doenças. A terapia magnética é baseada na ideia de que nosso corpo forma um campo magnético que reage aos ímãs quando os aproximamos. Essa ideia tem fundamento no fato do nosso corpo possuir certa porcentagem de ferro no sangue e que, junto com os íons de células e das próprias células, esses três componentes formam sozinhos um campo magnético próprio do nosso corpo.

Na teoria, quando aproximamos um ímã de hematita, por exemplo, em uma área dolorida, sangue fresco oxigenado é atraído para o local ajudando a diminuir a acidez diminuindo e/ou curando a dor. São diversos produtos a venda que promovem benefícios relacionados ao uso do magnetismo: colchão magnético, sandálias magnéticas, palmilha magnética, colar cervical magnético, indutor magnético, pulseira magnética, magnetizadores de água, entre outros. O imã de hematita torna a magnetoterapia ainda mais eficaz pelo fato desta pedra estar diretamente ligada com o sistema circulatório, afinal, uma das características deste cristal é aliviar as dores, inchaços e hematomas, estimulando o sistema sanguíneo e trazendo conforto para seu usuário.

O nome hematita vem do grego: hemos= sangue, em referência à cor vermelha do traço do mineral. É uma pedra opaca de cor cinzenta, encontrada em quase todo o mundo, principalmente no Brasil, Inglaterra, Alemanha e EUA. É um mineral de fórmula química óxido de ferro III, (Fe2O3), sendo constituído por 70% de Ferro e 30% de Oxigênio. É um mineral muito comum, sendo o principal constituinte do minério de ferro, possui brilho metálico e coloração preta, cinza, marrom, marrom avermelhado ou vermelho. As variedades são: “bloodstone”, rosa de ferro, minério do Kidney, martita (pseudomorfose por oxidação da Magnetita), pintura (hematita com brilho especular), hematita irisada e titano-hematita.

A hematita é um mineral que trabalha a metamorfose, incorporando elementos espirituais na forma física. A essência da hematita é de cor vermelha (quando passa por processos de polimento a água que escorre dela sai completamente vermelha) e por isso tem efeito direto sobre o sangue e sua circulação no corpo humano. O fato de a essência dessa pedra ser vermelha, em vez de preta-prateada, significa que a Hematita estimula o poder da energia criativa invisível inata (vermelho), ao mesmo tempo que estende sua influência à manifestação revelada (preto).

Hoje, o minério de ferro é largamente utilizado na indústria e está presente em nosso dia a dia sob diversas formas. Temos a utilização deste minério na produção de chinelos e colchões com ímãs com o objetivo de promover saúde, a água “magnetizada” com hematita se tornou um elixir popular e muito funcional, assim como chinelos e utensílios diversos.   A essência vermelha da Hematita exerce um efeito direto e revitalizante sobre o sangue humano e seu sistema circulatório. Ela é excelente pedra curativa para qualquer mal sanguíneo.     

Hematita é uma pedra de Alta Freqüência energética com a propriedade de movimentar ondas vibracionais capazes de promover desbloqueios energéticos, dissipando as toxinas e energias eletromagnéticas paradas. Em outras palavras, esta pedra é doadora incondicional de vida, movimento e ação. Ela é capaz de tratar inchaços pois movimenta e desbloquear a energia parada; trata de traumatismos localizados, provenientes de pequenas batidas ou pancadas, não deixando “ficar roxo” se colocada logo após. Trata da circulação sangüínea, produção e qualidade do sangue. É auxiliar no tratamento de anemias, favorecendo vibracionalmente a absorção do ferro pelo organismo, trazendo a revitalização orgânica. Tem também uma propriedade depurativa ajudando o organismo na eliminação de toxinas do sangue. Auxilia no alinhamento energético e também é auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico de forma vibracional.

Outro aspecto é a utilização religiosa, sabemos que é uma importante pedra de “proteção”, pois representa um metal de muita conexão com divindades da guerra, os grandes Guerreiros Protetores. Hoje em dia é muito comum vermos pessoas utilizarem colares de pedras consagrados às energias Divinas Protetoras.

A hematita ocorre em rochas ígneas, metamórficas, sedimentares, como granitos, sienitos, traquitos, andesitos, hematita quartzitos (em camadas com grande espesura) e ambiente hidrotermal. Criada da terra e do éter gasoso, esta pedra energizante é devotada à essência do corpo luminoso, bem como o corpo físico fazendo uma ligação direta entre a essência do espírito e as frequências mais densas do plano terrestre. A Hematita é criada quando o ferro se oxida ao entrar em contato coma água, mostrando que essa pedra está intimamente ligada à água, e a água por sua vez é comparada com o sangue da Terra porque nutre todas as coisas vivas do planeta, tal como o sangue nas veias do corpo alimenta toda célula viva.

A Hematita tem efeitos maravilhosos sobre o sangue do nosso corpo. Ela é apropriada em quase todas as moléstias do sangue. Regula a pressão sangüínea e regenera as células. No caso do estreitamento das veias e dificuldade de circulação, a Hematita presta extraordinários serviços. Ela também provoca efeitos irradiantes sobre o organismo e é apropriada para absorver as irradiações da terra e da água. Colocada sob o travesseiro, ajuda a Ter sono mais profundo.

A Hematita constrói um escudo protetor sobre nós, permitindo-nos viver de maneira mais corajosa, sem dificuldades e com maior consciência de nossas metas. Não permite que as influências negativas penetrem em nós. As opressões da alma são minoradas. Ela nos oferece mais espontaneidade e alegria de viver. Desenvolvemos autoconfiança e podemos tomar rédeas das nossas vidas, tornando-nos menos dependentes dos outros. Na meditação, a Hematita irradia de modo que possamos viver com extraordinária calma. É muito apropriada como anel de proteção durante a meditação.

É uma pedra muito indicada para quem precisa de disposição para o trabalho, capacidade de se relacionar com outras pessoas, negociação habilidosa, fortalecimento, disposição para novos empreendimentos, realização, sono, gravidez. Ela alivia as perturbações da menstruação, traz vitalidade, frescor, aparência juvenil, auxilia no bem estar dos olhos, pernas, renovação do sangue, alivia prisão de ventre e problemas nos pés, articulações, pele, cabeça, fígado, baço.

Os depósitos de hematita cinzenta são encontrados tipicamente nos lugares onde houver água parada ou fontes de água mineral quente, tais como aqueles em Yellowstone (EUA). O mineral pode ser encontrado fora da água ou no fundo de um lago ou outro lugar com água parada. No entanto, a hematita pode também formar-se em ausência de água, como resultado da atividade vulcânica.

Os antigos egípcios apreciavam a Hematita como pedra irradiante, que propiciava a paz e seus efeitos terapêuticos em silêncio. Por esse motivo, a Hematita foi também usada como dádiva de enterros, para ser colocada debaixo do travesseiro do falecido, a fim de lhe propiciar o seu caminho para a eternidade. O próprio Tut-Ench-Amun foi acompanhado da Hematita em sua viagem para o infinito.As mulheres egípcias dormiam com a hematita debaixo do travesseiro para que seus bebês nascessem perfeitos (foi encontrada nos sarcófagos das múmias femininas).No Egito, ela era associada também ao renascimento dos mortos em outra dimensão, pois algumas múmias foram colocadas sobre travesseiros de hematita.

Há também o mito de que seria uma “Pedra Sagrada”, representando o “sangue dos deuses”, dando vida a tudo que tocasse. Na Idade Média, era muito utilizada pelos Alquimistas, que por sua vez, acreditavam que possuía poderes mágicos, pois, se fosse marcada sua superfície, ela “misteriosamente” se curava, desaparecendo os riscos. A Hematita foi a pedra predileta dos antigos guerreiros que a utilizavam em seus peitorais e armaduras e estava  associada à força, à virilidade, à guerra. Os guerreiros esfregavam-na no corpo para dar invulnerabilidade, pois sempre foi associada ao planeta Marte. É usada para proteger contra danos ou ferimentos causados por acidentes de carros.

A pedra Hematita é uma das melhores pedras para ativar a Estrela da Terra. Para que o corpo de luz estabeleça morada no plano físico, é preciso que seja feita uma identificação consciente com esse chakra. A Hematita fornece uma perspectiva divina e permite um entendimento mais profundo da natureza com eternas mudanças da realidade terrena. A Hematita metamorfoseou a própria natureza da dura realidade física ao unir o ferro e o oxigênio numa forma rara e bela. Ela está disposta a nos ensinar como fazer o mesmo. Mostrando as possibilidades ilimitadas quando a essência espiritual é fundida nas raízes do mundo físico.

A Hematita tem o poder de canalizar energia espiritual diretamente ao sangue e estimular todas as células do corpo com uma força revitalizadora. Quando isso ocorre, há uma profunda mudança, ainda que sutil, no DNA que nos legado por eras de esquecimento; novos padrões são infiltrados, substituindo antigos programas codificados que dominaram a nossa consciência por milênios. A Hematita é uma das melhores pedras curativas para proteção e é maravilhoso parceiro quando se quer combater insônia, pois ela ajuda a aliviar a tensão criada por uma mente hiperativa, enquanto redireciona a sua força básica para o corpo, permitindo-lhe descansar.

FICHA TÉCNICA DO IMÃ DE HEMATITA

Signo: Escorpião, Gêmeos, Áries

Chakra:  Primeiro raíz e oitavo

Energia: Alta vibração

Planeta:  Marte

Divindades: Tyr, Marte, Ares, Ogum e demais divindades da guerra

Profissão: Médicos, terapeutas, enfermeiros, profissionais da saúde, professores, taxistas, garçons de café, lojistas

Origem: Brasil, Inglaterra, Alemanha e EUA

Dureza: 5.5 – 6.5  Mohs

Composição química: Óxido de Ferro (Fe2 O3)

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Auto-confiança
  • Proteção contra baixa auto-estima
  • Escudo protetor contra ataques físicos
  • Projeção astral
  • Negociações
  • Questões legais e julgamentos
  • Justiça
  • Invulnerabilidade
  • Remove bloqueio energético
  • Trata desequilíbrios energéticos

Efeitos terapêuticos:

  • Circulação
  • Purificação sanguínea
  • Eficiente contra o alcoolismo
  • Regeneração dos tecidos
  • Dissipa dor de cabeça
  • Cura da histeria
  • Remove toxinas
  • Trata pequenos traumatismos
  • Dissipa hematomas
  • Eficiente contra anemia (Ajuda na absorção do ferro no sangue)

Jaspe Amarelo e seus significados e propriedades

Jaspe Amarelo

As pedras de jaspe amarelo foram foi reverenciadas por povos antigos e civilizações em todo o mundo como pedras sagradas e poderosas de proteção, tanto para o domínio físico como para o espiritual. Elas eram conhecidas como “portadoras da chuva” e criadoras, curandeiras do espírito, pedras de coragem e sabedoria. As virtudes do jaspe foram exaltadas ao longo dos tempos pelos médicos, magos, poetas, cientistas, lapidários e estudiosos mais notáveis.

O Jaspe nos apóia e nos sustenta durante os tempos de stress e proporciona tranquilidade e plenitude. Usado na cura, este cristal unifica todos os aspectos de nossas vidas. Ele nos lembra que devemos ajudar uns aos outros. O Jaspe nos fornece proteção, absorve as energias negativas, estimula a honestidade. Proporciona coragem para enfrentar os problemas de forma positiva, auxilia a ter raciocínio rápido e promove a capacidade de organização.

Além de alinhar todos os chakras, cada uma de suas cores é apropriada para um chakra específico. Esta pedra facilita as viagens xamânicas e recordações dos sonhos.O Jaspe, ainda, limpa e alinha, não só os chacras, mas também a aura. Equilibra o Yin e Yang e alinha os corpos físico, emocional e mental com o reino etérico. Ele limpa a poluição eletromagnética e ambiental, incluindo a radiação e ajuda na radiestesia.O Jaspe estimula a imaginação e transforma as ideias em ação. Entre seus poderes mágicos, está a capacidade de prolongar o prazer sexual, auxiliar durante as doenças prolongadas e reenergizar o corpo.

Psicologicamente, o Jaspe transmite determinação em todas as atividades. Ele fornece coragem para se familiarizar com problemas positivamente e apóia em situações de conflitos. Encontrado em todo o mundo, o Jaspe aparece em vermelho, marrom, amarelo, verde, azul e violeta e é uma pedra de ternura e relaxamento. O Jaspe é uma excelente pedra para ser usada pelas pessoas tímidas.

Os judeus antigos acreditavam que o Jaspe teria sido a pedra fundamental de Jerusalém e, na Antiguidade, era conhecido como causador de chuvas. Diz a lenda que o Jaspe seria capaz de afastar os maus espíritos e que poderia, também, proteger de picadas de cobras, sendo muito valiosa durante a Antiguidade, tendo sido mencionado até em revelações bíblicas. Os gregos antigos acreditavam que o Jaspe proporciona um casamento baseado em harmonia e que ajudaria na gravidez e parto.

O jaspe amarelo foi historicamente reverenciado como um talismã de proteção e discernimento, utilizado por sacerdotes, xamãs e guias espirituais para proteger o homem em suas viagens físicas, bem como em suas jornadas espirituais. Ele proporcionou força interior e clareza mental, e sua energia lenta e estabilizadora faz com que seja igualmente valorizado hoje por essas mesmas propriedades. Ele mantém uma conexão profunda com a Terra e é uma ajuda maravilhosa para fundamentar e compreender o trabalho espiritual, a viagem mental ou as meditações profundas. O jaspe amarelo estimula o Chakra do Plexo Solar e amplifica a autoconfiança e a coragem, trazendo energia e entusiasmo para a vida e os relacionamentos. Suas energias são particularmente efetivas para revelar pessoas falsas e para desviar o ciúme ou o despeito.

O jaspe amarelo é uma variedade opaca e microcristalina de quartzo com grandes cristais granulados em vez das camadas fibrosas de calcedônia ou ágata. Isso ocorre em nódulos ou como recheios em fissuras e pode ser encontrado em todo o mundo. Sua coloração amarela, mostarda, arenosa ou queimada deve-se ao alto teor de ferro e pode conter outros minerais ou impurezas que criam ricos padrões e veias.

A pedra do jaspe amarelo liga você com a energia do sol, promovendo felicidade, alegria e positividade. Lembrando para que você fique aterrado e conectado à Terra, trazendo uma onda de energia vital através de seu corpo. As propriedades da pedra do jaspe amarelo também ajudam a aumentar sua autoconfiança, especialmente nos momentos em que você se sente sobrecarregado e fora da sua zona de conforto. Ter uma pedra de jaspe amarela com você sempre ajudará a reduzir sentimentos de estresse e ansiedade, substituindo-os por sentimentos de alegria e felicidade geral.

As propriedades do jaspe amarelo equilibram o chakra do plexo solar, para reduzir sentimentos de estresse e ansiedade. Acredita-se que ajude a limpar a mente, ajudando você a avançar sempre em direção a seus objetivos, em vez de regredir e dar passos para trás. Leve uma pedra de jaspe amarela com você quando precisar de um aumento de energia. O significado do jaspe amarelo pode agir de forma semelhante à sua adrenalina, ajudando a reenergizar seu corpo, mente e espírito.

O jaspe amarelo pode ser encontrado na Índia, México e África do Sul sendo que a maioria dos Jaspes amarelos tem aspecto amarelo pardo ou bege. O jaspe amarelo já é respeitado como pedra de cura entre indianos e índios. Ambos os povos lhe atribuíram fortes efeitos curativos sobre os rins, fígado e vesícula, além disto este cristal tem efeitos curativos especiais sobre o pâncreas e o efeito de desintoxicador que harmoniza a produção de sucos gástricos e da bílis. O efeito curativo sobre estes órgãos incluem: constipação, diarréia, doenças intestinais e hemorróidas. Ao mesmo tempo, ele protege do hipertireoidismo.

Mulheres de 30 a 40 anos de idade, atingidas por doenças glandulares, são beneficiadas pelo efeito do Jaspe amarelo, sobre disfunções como nervosismo, insônia, distúrbios da menstruação, quedas de cabelo e bócio. Além disso, o Jaspe amarelo nos ensina a ser mais compreensivos com o nosso próximo conscientizando-nos também de que não somos perfeitos. Durante a meditação, o Jaspe amarelo permite profunda penetração através do chakra do plexo solar, fortalecendo a nossa memória e levando-nos ao auto conhecimento.

FICHA TÉCNICA DO JASPE AMARELO

Dureza: 7 Mohs

Vibração: Baixa (Esta pedra tem uma ação demorada)

Origem: Índia, México e África do Sul

Composição química: SiO2, inclusões de manganês

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Nervosismo
  • Insônia
  • Distúrbios da menstruação
  • Queda de cabelos
  • Bócio
  • Compreensão para com nosso próximo
  • Fortalecimento da memória
  • Autoconhecimento

Efeitos terapêuticos:

  • Pâncreas
  • Rins
  • Fígado
  • Vesícula
  • Constipação
  • Diarréia
  • Doenças intestinais
  • Hemorróidas
  • Tireóide

Conheça 5 excelentes Pedras para Cura

Pedras para Cura são uma das mais maravilhosas, místicas e profundas ferramentas de “medicina energética” que foram utilizadas durante séculos por todas as culturas, religiões e impérios. As pedras e cristais de cura podem trazer benefícios surpreendentes de harmonização e cura, do ser indivíduo e ambiente. As gemas podem ser utilizadas em estado bruto, polidas ou em seus diversos tipos de lapidação e talhes.

Cada pedra ou cristal tem um poder e uma energia diferente. Elas transmitem força, cura e algumas são capazes de purificar a energia negativa de pessoas e ambiente. Os metafísicos moderna afirmam, como conclusão de profundos estudos, que a forma física é composta de energia e não apenas de matéria como se pensa. Concluímos, portanto, que tudo que existe é manifestação externa de uma forma de energia numa determinada frequência de vibração. Causa e Efeito. Como resultado disso tudo, cada vez se tem maior noção do poder de cura dos cristais.

As pedras, cristais e o seu poder de cura tem tido grande aceitação cada vez mais como uma forma de “medicina alternativa” com potenciais de harmonização, cura e atração de boas energias e sorte. Também há as pedras dos signos, que representam energias específicas dos respectivos signos.

Os cristais fazem parte do reino mineral, o primeiro reino a aparecer no Universo. Essas pedras têm arranjo molecular perfeito e eletromagnético de alta frequência. São, por isso, capazes de alterar a energia de quem está por perto. Pode-se verificar as qualidades extraordinárias dos cristais quando se segura uma pedra, sentindo as ressonâncias desse mineral. Os cristais, corpo sólido abundante na natureza, sempre foram conhecidos por sua beleza e poderes de cura. Desde os tempos mais remotos, os cristais exercem uma profunda influência nos homens que os têm utilizado na procura pelo equilíbrio físico, emocional, mental e espiritual.

Os gregos consideravam os cristais como o terceiro olho da Terra e os romanos os utilizavam para os rituais de captação de energia do cosmos.

Conheça agora a nossa lista das 5 maravilhosas Pedras para Cura:

Pedras para Cura

QUARTZO VERDE

O quartzo verde (também conhecido como aventurina) é a pedra da cura por excelência, apelidado de “o enfermeiro”. Embora todas as pedras verdes possam ser usadas para este fim curativo, o quartzo verde é considerado como o principal ativador da cura, pois age como estabilizador do tronco do emocional sobre o físico, segurando este impacto e amenizando os prejuízos desta relação quando desequilibrada.

É a pedra que vai cuidar também das relações de simpatia e antipatia entre as pessoas, ou seja, estabiliza também os impactos causados pelos desencontros de magnetismo nos relacionamentos e que podem gerar desestabilizações e mal-estar. Em qualquer caso de doença pode e deve ser usado, principalmente quando não temos um diagnóstico preciso ou quando não sabemos o que fazer, como tratar. O quartzo verde pode ser usado para todo tipo de doenças: mentais, emocionais ou físicas.

Embora todas as pedras verdes possam ser usadas para este fim curativo, o Quartzo verde é considerado como o principal ativador da cura, pois age como estabilizador do tronco do emocional sobre o físico,  segurando este impacto e amenizando os prejuízos desta relação quando desequilibrada.  O Quartzo verde é chamado de “o enfermeiro”. É a pedra que vai cuidar também das relações de simpatia e antipatia entre as pessoas, ou seja, estabiliza também os impactos causados pelos desencontros de magnetismo nos relacionamentos e que podem gerar desestabilizações e mal-estar. Em qualquer caso de doença pode e deve ser usado, principalmente quando não temos um diagnóstico preciso ou quando não sabemos o que fazer, como tratar.

Pedras para Cura

AMETISTA

O nome Ametista vem do Grego Amethystós e significa “não ébrio”. Isso porque é um dos melhores cristais para ajudar a libertar de vícios, principalmente o alcoolismo (daí seu nome “não ébrio”), liberta a necessidade dos excessos e amplifica o discernimento e o bom senso. Também ajuda em processos emocionais, afasta a culpa, a ilusão e tendências para o escapismo. Excelente para amenizar as tempestades emocionais,  estabilizar e a estar mais consciente de toda a agitação.

Os gregos acreditavam que essa pedra os protegia de feitiçaria, nostalgia, maus pensamentos, embriaguez, e da penetração dessas forças sobre o espírito. Acreditavam também que essa pedra podia transformar maus pensamentos em otimismo¸ libertando-nos de falsos amigos.

São inúmeros os benefícios da ametista para a psique humana. Este cristal faz com que seu portador possa fazer juízos corretos, favorece e fortalece verdadeiras amizades, ao mesmo tempo que afasta falsos amigos. As Ametistas difundem através de sua irradiação mais harmonia, senso de coesão da família, calor e sensação de renascimento. Durante a meditação, ela transmite impulsos agradáveis a respeito de alegria de viver, de participação e solução de problemas. Ao mesmo tempo, ela transmite um alto grau de paz, alegria, calma e harmonia. Um cordão de Ametistas infunde mais temperamento e uma difusão irresistível.

No corpo físico, a ametista auxilia na cura de diversos problemas, doenças e disfunções no  pâncreas, vasos sangüíneos, coração, cabelos, pele, cabeça, circulação, fígado, nervos, estresse.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.

Pedras para Cura

JADE NEFRITA

A jade nefrita, no sentido amplo, simboliza a retidão, o poder, predispondo à calma, à tolerância, à harmonia, à paz, assegurara a honestidade, a temperança, a tolerância. Ela dinamiza nosso desenvolvimento emocional, nos tiraria a tensão, trazendo uma sensação de satisfação e prolongara a vida. Foi descrito que a nefrita era a resposta para acalmar as cólicas nefríticas (donde o nome da nefrita), agir sobre os cálculos renais e todas as infecções da árvore urinária. Era necessário o colocar no lugar dolorido e o desengordurar todos os trimestres com o pó de osso calcinado. E é necessário acrescentar que os chinêses (que bebiam uma medida, esmagado e dissolvido, misturado ao suco de ervas).

A jade nefrita era reputado por suas virtudes curativas e o imperados Rodolphe II de Habsbourg compraram um pedaço por 1 600 écus. Uma excelente pedra de cura na luta contra a gota, as ciáticas, a epilepsia, as mordidas venenosas.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.

HEMATITA

Pedras para Cura

Hematita é uma pedra de Alta Freqüência energética, com a propriedade de movimentar ondas vibracionais capazes de promover desbloqueios energéticos, dissipando as toxinas e energias eletromagnéticas paradas. Trocando em miúdos, esta pedra é doadora incondicional de vida, movimento, ação. Ela é capaz de tratar inchaços, pois movimenta e desbloquear a energia parada; trata de traumatismos localizados, provenientes de pequenas batidas ou pancadas, não deixando “ficar roxo”, se colocada logo após. Trata da circulação sanguínea, produção e qualidade do sangue. É auxiliar no tratamento de anemias, favorecendo vibracionalmente a absorção do ferro pelo organismo, trazendo a revitalização orgânica. Tem também uma propriedade depurativa, ajudando o organismo na eliminação de toxinas do sangue. Auxilia no alinhamento energético, e também é auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico de forma vibracional

Pedras para Cura

MAGNETITA

Ela pode se tornar uma pedra a ser usada em um futuro próximo pela ciência médica. E isso tem ocorrido nos últimos anos com o uso da terapia magnética. Ela tem tido resultados positivos na Inglaterra e no Japão, porém como ocorre com qualquer técnica ou tecnologia nova, há alguma controvérsia relativa a seus efeitos. No entanto, a Magnetita tem sido extensamente usada com resultados positivos em contusões esportivas e asma.

A Magnetita combate o desequilíbrio mental, alivia a tensão emocional e aumenta a potência sexual. Desde os primórdios da Idade Média os efeitos terapêuticos da Magnetita foram reconhecidos e continuam sendo hoje em dia considerados valiosos na Terapia Naturista e na Medicina. Através de suas propriedades magnéticas, ela exerce um efeito harmonizante sobre todo o corpo; regula o teor de líquido e orienta as funções das glândulas; estabiliza a circulação sanguínea. A Magnetita é uma poderosa pedra energizante.

Na psique humana a Magnetita limpa todo o corpo e elimina os bloqueios ocasionados pelo cérebro. Trata-se de uma pedra harmonizante, que protege contra raios e tem efeito extraordinariamente relaxante sobre a aura. No campo da meditação, esta pedra é muito apreciada, em razão de sua intuitiva percepção e rápida transformação para um plano mais elevado.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.


Espinela Espinélio e seus significados e propriedades

Espinela Espinélio

A Espinela Espinélio, constituem um grupo de minerais que cristalizam no sistema cúbico com hábito octaédrico. A sua fórmula geral é (X)(Y)2O4, onde X representa catiões que ocupam posições tetraédricas e Y catiões que ocupam posições octaédricas. Catiões divalentes, trivalentes e tetravalentes podem ocupar as posições X e Y, incluindo magnésio, zinco, ferro, manganês, alumínio, crómio, titânio e silício. Os aniões de oxigénio formam uma estrutura cúbica.

A espinela verdadeira é desde há muito conhecida em aluviões do Sri Lanka e em calcários de Mianmar e Tailândia. É ainda explorada no Tadjiquistão e Tanzânia e geralmente ocorrem como cristais isómetricos, octaédricos, geralmente maclados. Apresentam clivagem octaédrica imperfeita e fractura concoidal. A sua dureza na escala de Mohs é 8, o seu peso específico situa-se entre 3,5 e 4,1 e são transparentes a opacas com brilho vítreo a baço. Podem ser incolores, mas geralmente ocorrem em tons variados de vermelho, azul, verde, amarelo, castanho ou negro. Existe também uma espinela branca, hoje em dia desaparecida, que foi encontrada durante algum tempo no Sri Lanka.

As espinelas vermelhas e transparentes são chamadas de espinelas-rubis ou rubis-balas e eram muitas vezes confundidas com verdadeiros rubis na antiguidade. A palavra balas deriva de Balascia, o nome antigo de Badakhshan, uma região na Ásia central situada no vale superior do rio Kokcha, um dos principais afluentes do rio Oxus. A espinela amarela é chamada rubicela e a espinela de manganês de cor violeta almandina. A espinela pode ser encontrada em rochas metamórficas e também como mineral primário em rochas básicas, pois em magmas deste tipo a ausência de álcalis não permite a formação de feldspatos, e qualquer óxido de alumínio presente formará corindon ou combinar-se-á com magnésia para formar espinela. É por este motivo que muitas vezes o rubi e as espinelas são encontrados juntos.

O espinélio vermelho sempre provocou fascínio aos grandes homens deste mundo desde séculos era conhecida como a pedra das coroas. Durante todo o período Mongol, encontravam-se gemas sobre as quais figuravam inscrições usando o nome dos imperadores. E existe ainda hoje no tesouro da Inglaterra um colar feito de espinélios, sobre os quais se encontram entalhes nomeados “o colar de Timur”. Neste mesmo tesouro se encontra sobre a coroa imperial da Rainha da Inglaterra, “o rubi do Principe Negro”.

Esta gema é um espinélio proveniente da mina de “Kuh I Lal”, ele foi dado em 1367 ao Principe Negro em agradecimento por seus leais serviços pelo Rei de Castilha. Meio século mais tarde ele salvara a vida do Rei Henri V na batalha de Azincourt, a pedra carrega ainda a marca do machado que ela desviou e que teria fundido o crânio do soberano. Na França o célebre espinélio “côte de Bretagne” (costa da Bretanha) lapidado em forma de dragão ornamenta a lã de ouro de Luiz XV.

Muitos rubis, famosos por se acharem incrustados em coroas da realeza são, na verdade, espinelas. A mais famosa é a ‘Black Prince’s Ruby’, uma espinela de 170 quilates, de um vermelho magnífico, que adorna a coroa imperial do estado entre as jóias da coroa britânica. Henrique V chegou a usá-lo no seu capacete de batalha. O rubi de Timur, uma gema vermelha de 352 quilates, atualmente propriedade da Rainha Elizabeth II, tem a marca de alguns imperadores que o possuíram antes, conferindo-lhe inegável prestígio.

Em Mianmar, onde são encontradas algumas das cores mais deslumbrantes de espinelas, esta gema foi classificada como uma espécie distinta do rubi em 1587. Noutros países a confusão com o rubi manteve-se por centenas de anos.

Cristais de espinela em uma matriz de mármore e calcita. Apreciada atualmente pela sua própria natureza, a espinela é uma das pedras preciosas preferidas dos negociantes e coleccionadores de gemas devido ao seu brilho, dureza e ao largo espectro de cores deslumbrantes. Os colecionadores têm interesse particular a uma variedade cor-de-rosa quente, vívido, com laivos laranja, explorada nas minas de Mianmar o que lhe dá características únicas como gema. A espinela aparece também em tons azuis e é, então, designada como espinela de cobalto, sendo estes exemplares raríssimos.

.

A espinela pode também ser produzida artificialmente em laboratório destinada a ornamentar anéis com a imitação da pedra de nascimento, é frequente associar-se o nome de espinela ao seu fabrico sintético. A espinela é uma gema resistente, perfeita para a indústria da joalharia. Facetada, o mais das vezes é talhada em forma oval ou circular, sendo muito difícil de encontrar em tamanhos calibrados dada a sua raridade.

Além da Birmânia, o Espinélio é encontrado, também, no Sri-lanka, na Tanzânia e no Tajiquistão, uma parte da antiga União Soviética, no Brasil na Itália, Alemanha. Por ser uma pedra de grande durabilidade, o Espinélio é muito usado em joalheria.

O Espinélio acalma e alivia o stress, a depressão e rejuvenesce a mente. É muito usado em processos de desintoxicação química sangue e , órgãos, incluindo a pele. Ajuda a diminuir a ansiedade e proporciona muitos benefícios à pele. O Espinélio é muito usado, também, pelas pessoas adeptas a jejuns. Esse belíssimo cristal tem  o poder de nos fazer sentir  revigorados e renovados. Ajuda a reforçar as características positivas da personalidade e a superar obstáculos. Diz-se que é a pedra da imortalidade. É uma excelente pedra para a cura e para a limpeza da aura. Reduz o esquecimento, atrai dinheiro, riqueza e prosperidade. Muito útil para viagens astrais e clarividência.

A espinela ou espinélio sendo uma pedra de alta energia, o Espinélio ajuda a curar os bloqueios de energia  físicas. Acelera a recuperação de muitas doenças associadas ao movimento, como problemas nas articulações, nos músculos e ossos. É ótimo para ser usado como pedra de proteção, sendo ideal para crianças, que carregam com elas as energias protetoras de quem as presenteou com esse cristal. Por proporcionar vitalidade, é muito bom para ser usado durante atividades físicas. O Espinélio é, também, uma pedra que ajuda nos relacionamentos à distância.

Somente há 150 anos o espinélio é reconhecido como uma classe mineral; anteriormente era incluído entre os rubis, encontrando-se nas mesmas jazidas que estes. Foi em Burma , atual Myanmar, que o Espinélio foi reconhecido por volta de 1.587, como uma espécie  separada de pedra e é lá, também, que são encontrados os Espinélios com as cores mais belas. Em outros países, o Espinélio se passou por Rubi por centenas de anos. Atualmente, o Espinélio é apreciado pelos comerciantes por sua própria beleza e por suas próprias cores e brilho espetaculares, sendo uma das favoritas desses profissionais.

Além da cor vermelha, o Espinélio pode ser encontrado, também, numa maravilhosa gama de cores, de rosa e roxo em tons pastéis a verde, azul, amarelo, pêssego e outras. A que provoca maior interesse é o Espinélio que vem da Birmânia: de um rosa intenso, apresenta um toque de alaranjado. Esta cor, é uma das mais esplêndidas cores de pedras preciosas encontradas no mundo. Existem, ainda, os Espinélios azuis, chamados de Espinélios Azul Cobalto, mas esses, são muito, muito raros de encontrar. Por ser uma pedra que pode ser criada em laboratório, muitas pessoas acreditam que só existem Espinélios sintéticos. Na verdade, o principal fator que impede que o Espinélio conquiste mais reconhecimento, é sua raridade. Os Espinélios mais belos são, atualmente, mais difíceis de encontrar do que os Rubis que costumava ser confundido.

Confira algumas variedades e indicações:

  • Espinélio Vermelho: é associado ao Chakra do Coração e estimula, especificamente, força e vitalidade física.
  • Espinélio Rosa: usado por pessoas que sofrem de fadiga crônica. O Espinélio Rosa é usado como talismã pelos casais que não estão o tempo todo juntos fisicamente, pois transporta o amor de um pelo outro.
  • Espinélio Pêssego: ótimo para diminuir a auto-crítica e, também, a crítica em relação aos outros. Auxilia a desenvolver a auto-estima.
  • Espinélio Azul: estimula o terceiro chakra, fazendo com que a pessoa fique mais focada mentalmente e ajuda com as habilidades psíquicas. Muito útil para a comunicação espiritual.
  • Espinélio Marrom:  ajuda a dissipar as energias negativas e, também, as reflete para sua origem, isto é, para o que ou quem as emanou originalmente.
  • Espinélio Violeta:  usado para melhorar a comunicação entre as diferentes gerações.
  • Espinélio Amarelo: conecta ao chacra do plexo solar, ajuda a manter-se focado e na manifestação da abundância em todos os níveis. É a pedra daqueles que tem a auto-estima baixa, pois promove uma forte crença na própria capacidade.
  • Espinélio Verde: conecta-se ao chacra do coração, ajuda nas questões emocionais, permitindo sentimentos de amor, compaixão e de perdão por si próprio e pelos outros. O Espinélio verde-escuro é conhecido por aumentar a sorte e melhorar as habilidades de comunicação. Seu brilho verde auxilia aqueles que sentem medo.
  • Espinélio Laranja: estimulante sexual e das energias criativas.
  • Espinélio Negro: ajuda a reconhecer e liberar questões emocionais arraigadas profundamente na pessoa, como a tristeza e a raiva.
  • Espinélio Transparente: reenergiza os campos magnéticos, bem como todo o sistema de chakras.

FICHA TÉCNICA DA Espinela Espinélio 

Dureza: 8.0 Mohs

Vibração: Alta

Signo: Capricórnio, Aquário, Peixes, Áries, Touro, Leão, Virgem, Libra, Escorpião

Origem: Birmânia,  Sri-lanka, na Tanzânia e no Tajiquistão, uma parte da antiga União Soviética, no Brasil na Itália, Alemanha

Composição química: MgAl2O4

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Acalma
  • Alivia o stress e a depressão
  • Rejuvenesce a mente
  • Ajuda a diminuir a ansiedade
  • Revigoração
  • Reforça as características positivas da personalidade
  • Superar obstáculos
  • Limpeza da aura
  • Reduz o esquecimento
  • Atrai dinheiro, riqueza e prosperidade
  • Viagens astrais
  • Clarividência

Efeitos terapêuticos:

  • Desintoxicação química sangue e órgãos incluindo a pele
  • Jejuns
  • Circulação

Axinite ou Axinita e seus significados e propriedades

Axinite ou Axinita e seus significados e propriedades

A pedra Axinita ou Axinite faz parte do grupo de minerais sorossilicatos triclínicos, compostos por borossilicato de cálcio, magnésio, manganês e ferro, os seus cristais têm o hábito geralmente lamelar, mas também granular, maciço, por vezes cristais pontiagudos de  brilho vítreo com alguma risca branca,  os minerais deste grupo têm propriedades piezoeléctricas e piroeléctricas e sua dureza Mohs varia de 6 a 7,5.

O nome da axinite deriva do grego Axine qu significa machado, em alusão à forma dos cristais e devido a este fato a axinite é procurada por colecionadores, muito utilizada como gema, foi descoberta por Schreiber na França, no maciço de Oisans, foi Romé de I’Isle que a descreveu e identificou e foi René Just Hauÿ que atribuiu seu nome. Podemos classificar as axinitas em ferroaxinitas que contêm ferro (o mais frequente e interessante como gema) manganoaxinitas, magnesioaxinitas e tinzénita (amarelo-alaranjado), a Axinita foi muito procurada na França desde o XVIII° século no Bourg-d’Oisans (Isère), e foi também encontrado no pico de Arbizon (Pirineus° em Cornouailles (Inglaterra), na Califórnia (Estados Unidos), em Baixa Califórnia (México) no Ural (Rússia), no Sri Lanka, na Tasmânia, no Japão (Toroku e Miyazaki), a Tanzânia e o Paquistão.

As variedades opacas da Axinita emitem um brilho muito fraco para serem apreciadas na litoterapia, já  as pedras amarela-alaranjadas agem sobre o chakra sexual e também no Plexo Solar, se mostrando um bom estimulador sexual para os homens, as pedras castanho-violeta melhoram a circulação das energias entre o último chakra e o da base, pois é uma pedra que veicula as energias e que permite identificar os pontos de carência em energia, são fortes pedras de aterramento, que trazem a energia da Mãe Gaia, através do chakra terrestre no corpo, essa energia aumenta sua força e resistência, têm uma energia restauradora encantadora, e são conhecidos por serem de  forte ajuda para permitir que você faça mudanças em sua vida pois ajudam a ir com o fluxo da vida e a mudar o que precisa ser mudado sem se opor ao que está acontecendo em sua vida.

As Axinites são úteis para curar o corpo, tanto física como espiritualmente, e suas propriedades curativas físicas são úteis para ajudar os problemas dos pés em particular, dentre suas propriedades metafísicas, a Axinite aumenta a contemplação dos reinos espirituais, e eles o ajudam a lembrar suas experiências antepassadas, são pedras excelentes para a meditação, pois ajudam a liberar pensamentos que dificultam seu progresso, esta não é uma pedra comum, e embora alguns a rotulem de uma pedra rara, foi encontrada na França, na Rússia, na Austrália, no México e nos EUA, sua cor é geralmente uma cor marrom mel, mas também pode ser um marrom mais violeta, violeta, cinza, verde, azul e até quase incolor.

Esta é uma pedra forte para usar em sua meditação de cristal diária pois quando você usa pedras de alta vibração para fazer uma meditação com cristais, combine Axinite com elas para ajudá-lo a permanecer aterrado, tem uma ação de fundamentação espiritual tão forte que é muito útil para evitar qualquer distração que muitos possam encontrar durante o processo, o que ajuda e muito a lembrar das mensagens que vêm dos reinos mais altos, uma vez que você tenha alcançado a meditação profunda necessária, você pode acessar a memória coletiva do homem ou registros antigos e descobrir sua razão de viver, esses registros também podem conter memórias de vida passadas e ajudar a fornecer as respostas que você precisa para viver uma vida mais pacífica e produtiva, de acordo com a orientação espiritual.

 

FICHA TÉCNICA DA AXINITE

Dureza: 6 a 7,5 Mohs

Origem: Arbizon (Pirineus° em Cornouailles (Inglaterra), na Califórnia (Estados Unidos), em Baixa Califórnia (México) no Ural (Rússia), no Sri Lanka, na Tasmânia, no Japão (Toroku e Miyazaki), a Tanzânia e o Paquistão

Composição química: 17,88 % Al2O3, 12.60 % FeO(MgO,MnO), 19,67 % CaO, 42,16 % SiO2, 6,11 % B2O3, 1,58 % H2O

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Foco espiritual
  • Acesso à memórias de vidas passadas
  • Acesso à memória coletiva do homem
  • Equilibra o fluxo energético
  • Aterramento
  • Memória Espiritual

Efeitos terapêuticos:

  • Circulação
  • Pés
  • Sangue

Diopsídio e seus significados e propriedades

Diopsídio e seus significados e propriedades

O nome Diopsídio vem do grego, “deux” e “aspect”, por causa do duplo aspecto das faces de seu prisma quando ele é cristalizado. O diopsídio se encontra também “estrelado”, “chatoiant” e a variedade cromifera, gema proveniente essencialmente da Rússia é verde esmeralda. Uma jazida do Piémont produz uma variedade translucida ou opaca azul violetado, chamado de violane. Existe também uma variedade chatoiant, essencialmente negra apresentando um astérix em 4 lados chamado “black star” (estrela preta). A lavrovita é uma variedade verde de diopsidio vanadifero que provém da Rússia.

Este intrigante mineral é encontrado na África do Sul, na Áustria, na Birmânia, nos Estados Unidos, na Finlândia, na França, na Índia (variedade estrela), na Itália, na República do Malgache, no Sri Lanka, na Rússia (no Ural e no leste da Sibéria), em Madagascar, no Brasil, no Paquistão e na Suécia.

O Diopsídio piroxene faz parte da área de gemas e é formado de silicato de cálcio e magnésio. Também tem excelentes pleochroism, o que significa que ele pode ser visto de ângulos diferentes e parecem ter uma variedade de cores. O Diopsídio normalmente tem uma cor verde rico, que se parece um pouco translúcida sob a luz brilhante. As pedras têm uma cor verde-escuro são particularmente apreciados. Pedras preciosas Diopside são geralmente pequenas, como pedras que são cortadas no nível de dois quilates ou mais estão crescendo muito escuro. Isto é, porque a luz que tem a cor verde extingue-se quando cortada em dimensões superiores.

O Diopsídio tem uma avaliação da dureza de entre 5,5 a 6 na escala de Mohs, que é uma escala de dureza determinada por pedras que podem tornar arranhões nas superfícies dos outros. Adapta-se bem a uma variedade de jóias, mas também pode ser ligeiramente frágil. Pode ser cortado em ambos os sentidos, conforme necessário para fins de projeto. A estrutura de cristal de diopsídio é monoclínica, que tem como objectivo o eixo vertical da pedra é propenso a um eixo lateral, mas perpendicular ao outro.

Esta pedra mostra sua cor ideal quando cortada em uma forma oval ou circular. Qualquer pessoa que pretenda fazer uma pedra preciosa com um corte diopside atraente deve ser um cortador qualificado, a fim de trazer a riqueza de cores. Devido ao trabalho sensível envolvida na formação de diopside, apenas cerca de 10 por cento do material recolhido é tipicamente utilizado no produto acabado. Diopsídio tem poucos produtos minerais em excesso nele. Quando cortado corretamente, segurando um verde brilhante brilhante como uma esmeralda. 

É conhecida como a pedra do reconforto, mais forte que a turmalina verde, ele ajuda a repor as energias, a pensar positivo e a expulsar do espírito os pensamentos negativos e a não se influenciar com o negativo vindo do exterior. Ele traz consigo o reconforto nos desafios da vida.  Quem não precisa desses dois sentimentos, segurança e alegria? Todos nós, não é verdade? Portanto, não fique sem um Diopsídio. Além desses benefícios, esta pedra lhe dará, também, uma maior auto-estima e auto-confiança.

O Diopsídio nos estimula a fazer tudo com muita alegria e descontração. Ajuda-nos, ainda, a colocar nossas ideias em prática. Fisicamente, nos proporciona muita disposição.O Diopsídio é ótimo para aliviar dores musculares, fortalecer os músculos e equilibrar a temperatura corporal. 

É uma pedra de serviço, aumenta a compaixão, abrindo o seu coração para o sofrimento de outras pessoas e estilizando-o a servir o planeta por meio de um senso profundo de conexão com a Terra. Da parte espiritual, esta pedra ensina a humanidade e o ajuda a valorizar o que você realmente sente, seguir a intuição e a confiar na sua capacidade de sentir. È um agente de cura muito útil no caso de doenças psicológicas, esta pedra ensina a entender melhor quem o magoou no passado, levando-o gentilmente a tomar a iniciativa. Se você costuma sentir que lhe falta algo, mas não sabe muito bem o quê, o Diopsídio ajuda você a não sentir tanta falta disso e a valorizar mais que já tem.

Mentalmente, o Diopsídio é útil para a atividade criativa ou para os estudos acadêmicos, já que estimula as faculdades intelectuais e a arte da análise.

Tem sido utilizado há muito tempo para o apoio ao estudo da matemática. Emocionalmente, o Diopsídio é benéfico para aqueles que não conseguem extravasar a própria dor, pois ajuda na liberação dessa dor.

Se você se sente sobrecarregado com os problemas da vida, esta pedra ensina você a viver a vida com apreço e alegria.

Fisicamente, ele acelera a recuperação depois de uma cirurgia, trauma ou doença grave.

O Diopsídio preto está em sintonia com os chakras da raiz da Terra e com as corrente telúricas do planeta, levando-os a recuperar a harmonia e o equilíbrio. Esta pedra em tom verde fortalece a memória celular, ajuda em casos de debilidade física, restabelece o equilíbrio ácido-alcalino, ajuda os pulmões, a circulação, dores e espasmos musculares, estresse, para os rins e o coração. Em tom preto é útil para a cura da Terra ou para ajudar doentes terminais ou com males crônicos. O Diopsídio está conectado com criatividade e lógica, pode curar traumas e abrir o lado feminino do seu ser, para neutralizar os sentimentos de agressão. Diopsídio também tem sido utilizada para o tratamento de doenças físicas, tais como problemas de circulação, espasmos musculares, e problemas cardíacos e pulmonares.

FICHA TÉCNICA DO DIOPSÍDIO

Dureza: 5.0 à 6.5 Mohs

Origem: África do Sul, na Áustria, na Birmânia, nos Estados Unidos, na Finlândia, na França, na Índia (variedade estrela), na Itália, na República do Malgache, no Sri Lanka, na Rússia (no Ural e no leste da Sibéria), em Madagascar, no Brasil, no Paquistão e na Suécia

Signos: Gêmeos e virgem

Composição química: CaMg[Si2O6]

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Reconforto
  • Mágoas
  • Aceitação
  • Ferimentos na alma
  • Criatividade
  • Alegria
  • Estudos

Efeitos terapêuticos:

  • Circulação
  • Pulmão
  • Espasmos musculares
  • Dores
  • Problemas cardíacos

Quartzo Transparente (Cristal de Rocha) e seus significados e propriedades

Quartzo Transparente

O quartzo transparente ou cristal de rocha, é o segundo mineral mais abundante da Terra (aproximadamente 12 % vol.), perdendo apenas para o grupo de feldspatos. Possui estrutura cristalina trigonal composta por tetraedros de sílica (dióxido de silício, SiO2), onde cada oxigênio fica dividido entre dois tetraedros. Existem diversas variedades de quartzo, alguns chegando a ser considerados pedras semi-preciosas. Hoje, sabe-se que mineradores de rochas contendo quartzo podem sofrer de uma doença pulmonar denominada silicose.

O cristal transparente nasce geralmente em pegmatitas graníticas e veios hidrotermais. Cristais bem desenvolvidos podem atingir vários metros de extensão e pesar centenas de quilogramas. A erosão de pegmatitas pode revelar bolsões de cristais, conhecidos como “catedrais”. Pode também ter origem metamórfica ou sedimentar. Adicionalmente, pode ocorrer em camada, particularmente em variedades como a ametista; neste caso, os cristais desenvolvem-se a partir de uma matriz e deste modo apenas é visível uma pirâmide terminal. Um geode de quartzo, consiste de uma pedra oca (geralmente de forma aproximadamente esférica), cujo interior é revestido por uma camada de cristais.

O Quartzo Transparente é um dos melhores cristais para se iniciar qualquer tratamento, ou para quem está começando a praticar a terapia com cristais pois é considerado “o avô dos Cristais”, promove o fluxo de energia por todos os corpos alinhando todos os chakras através da vibração que reflete e irradia luz branca que contém todos os raios do espectro de cor. Uma das principais característica desta pedra é o armazenamento de informações, eis o “cérebro da natureza”. Uma mínima partícula de cristal pode conter uma infinidade de informações e um exemplo disso são os chips de computador, constituídos de díóxido de silício, cristal.

Hoje em dia, o homem vive cercado de cristais por todos os lados. A principal atuação dos cristais ocorre num plano energético sutil, ou seja, na origem de todas as coisas. E o processo básico da atuação dos cristais é absorver, armazenar, transformar e irradiar a energia. Por isso, a simples presença de um cristal num ambiente ou próximo ao corpo já é suficiente para gerar um processo de limpeza e renovação energética, assim como a ampliação do campo magnético.

Cristais de rocha podem ser encontrados na forma de drusa, geodo, agregado, em forma de ponta de cristal (ponta única ou ponta dupla), bruto, rolado ou em esferas, como a  lendária bola de cristal. Quimicamente é o dióxido de silício, SiO2. Quando usado em contato com a pele entre os chakras laríngeo e cardíaco sua energia é potencializada lembrando que o formato do cristal também faz diferença: Em esferas a energia é mais facilmente integrada ao nosso corpo sutil, já que o círculo é a forma perfeita para a circulação de energia e o princípio 2D das espirais, colares de bolinhas são uma boa opção e a qualidade é garantida por alguns fabricantes, como os colares terapêuticos.

Um tamanho médio, 8mm ou 10mm são mais indicados para começar.

Se preferir usar pontas de cristal como pingentes, certifique-se de que a ponta esteja apontando para cima, conectando-o com energias superiores. Há ainda os cristais vendidos como jóias junto a metais mais caros, e facetadas, ganhando um brilho intenso, porém perdendo energia em cada vértice pois muitas vezes o propósito do uso de uma joia é diferente do propósito do uso de um colar terapêutico. Quando usado corretamente, os colares de quartzo transparente trazem benefícios tanto para o corpo físico, como a estabilização da pressão arterial, estimula a limpeza dos vasos sanguíneos e a normalização  da circulação.

A literatura traz que o quartzo transparente também acalma o sistema nervoso e limpa a aura.

Já os efeitos terapêuticos sobre a psique envolvem a harmonização dos corpos e espíritos com as forças cósmicas do universo, proporcionando maior sensibilidade.

Indicado para obtenção de energia, relaxamento, estímulo da intuição, consciência cósmica, autoconfiança e sabedoria.

A pura luz branca atravessa um quartzo transparente facilmente, deixando todas as cores do espectro inalteradas e dando substância ao argumento de que os Cristais de Rocha podem ajudar a equilibrar todos os elementos necessários para tornar-nos integrais e realizados.

Os cristais claros também ampliam quaisquer influências presentes no indivíduo ou no ambiente fazendo com que qualquer deficiência se torne visível e óbvia, agindo como um purificador ele sintoniza a freqüência de cada indivíduo e trabalha a nível vibratório de modo que o corpo retorne a um estado menos alterado e doente.

Se áreas ou órgãos específicos são impedidos de receber ou transmitir o fluxo de energia para todo o corpo, o Quartzo Transparente irá desbloqueá-los, portanto os cristais de rocha desempenham um importante papel na criação de harmonia e ajudam a balancear todos os estímulos, positivos ou negativos. Em assuntos espirituais, o cristal de Quartzo é muito útil em orientar nossa busca pelo significado e importância da existência podendo ajudar-nos a sintonizar nossa própria energia e não nos perdermos em distrações desnecessárias; desse modo, ajuda a meditação.

A origem de Quartzo Transparente era um tanto misteriosa para os antigos, São Jerônimo, citando Plínio, explicava sua formação como um congelamento de água em cavernas escuras das montanhas, onde a temperatura é tão fria que “enquanto é uma pedra ao toque, parece água aos olhos”. O Quartzo veio a simbolizar a liberdade e a pureza da fé na igreja, no Japão, o Quartzo Transparente é considerando como o congelamento da respiração do Dragão Branco.

FICHA TÉCNICA DO QUARTZO TRANSPARENTE

Dureza: 7 Mohs

Chakra: Todos

Origem: É encontrado em todo o mundo em abundância

Signos: Todos

Composição química: Óxido de Silício SiO2

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Limpa a aura
  • Sensibilidade
  • Obtenção de energia
  • Relaxamento
  • Intuição
  • Consciência cósmica
  • Autoconfiança
  • Sabedoria
  • Torna evidente qualquer deficiência
  • Amplia quaisquer influências presentes no indivíduo ou ambiente
  • Funciona como um amplificador natural de poder
  • Captador de energia

Efeitos terapêuticos:

  • Estabiliza a pressão arterial
  • Estimula a limpeza dos vasos sanguíneos e a normalização  da circulação
  • Acalma o sistema nervoso