Jaspe Sanguíneo Heliotropo e seus significados e propriedades

Jaspe Sanguíneo Heliotropo e seus significados e propriedades

O Jaspe Sanguíneo Heliotropo é um mineral excelente para proteção também é conhecido como a pedra dos xamãs por transformar negatividade. Possui a habilidade de equilibrar as energias yin e yang e é um facilitador seguro no trabalho astral, desintoxica o fígado e melhora a circulação sanguínea, as varizes e as hemorróidas. Além disso é excelente para quem sente muito frio pois possui o elemento Fogo muito forte em si.

O Jaspe Heliotropo foi usado por cristãos medievais que esculpiam nele as cenas da crucificação e mártires, o que levou a ser conhecido também como a pedra dos mártires. As inclusões vermelhos parecem manchas de sangue, assim em Inglês este mineral recebe nome de bloodstone, o nome de heliotropo ( do grego ήλιος helios, sol, τρέπειν trepein, girar), debatido por várias noções antigas sobre a maneira em que o mineral reflete a luz. O heliotropo ajuda a nos proteger, a limitar e a rejeitar influências indesejáveis, dá calma em casos de agressão, ajuda a adaptar-se a situações imprevistas e a manter o controle em qualquer situação. Estimula a atividade sonho.

A pedra de Jaspe é outro membro da família das Calcedônias que pode ser encontrado no mundo inteiro em diversos tons de cor e textura. Seu nome significa “pedra manchada ou salpicada” e é considerada a “mãe de todas as pedras”. Muitos especialistas em curas e litoterapia sugerem o uso do Jaspe em elixires, isso porque a ação deste cristal é demorada por causa de sua baixa e branda vibração energética, o que significa que suas energias não superestimularão nenhuma parte do corpo. De fato, esta pedra é considerada mais eficaz se usada por um longo período de tempo pelo usuário, pois ela trabalha lentamente. Qualquer benefício de Jaspe leva tempo para acontecer, por ele ser um trabalhador metódico e meticuloso, contudo o resultado total do seu uso em práticas de cura será a unificação de todos os aspectos de sua vida.

Com paciência, qualquer pessoa usando o Jaspe sentirá uma continuidade de espírito e de corpo que pode melhorar grandemente tanto no trabalho quanto no lazer. Além disso, cada cor do Jaspe tem qualidades específicas quando usada sozinha. O Jaspe funciona bem usado em conjunto com as Opalas e é recomendado para executivos, por tornar mais ágil o pensamento e também por ajudá-los a suportar o stress. Na antiguidade, o Jaspe tinha uma grande reputação como provocador de chuvas, talvez a coloração verde da pedra tenha sugerido sua associação com campos verdes, como sugere o autor de Lithica, no século IV: “Os deuses propícios ouvirão com atenção às preces, daqueles que usam o verde Jaspe polido, sua gleba seca, ele saciará com chuvas e enviará água para encharcar a terra.”

No século IV, o Jaspe era reconhecido como dispersador de espíritos malignos e protetor daqueles que o usavam contra mordidas de criaturas venenosas. Um autor anônimo alemão do século XI ou XII assegurava que, se o Jaspe fosse colocado em uma mordida de cobra, o veneno seria totalmente absorvido da ferida. Além disso, esta linda pedra era incrustada em Ouro e usada sobre o peitoral dos sacerdotes no tempo de Aarão.

O Jaspe pode ser usado em forma bruta ou lapidada, seu poder nos dá apoio durante períodos difíceis na vida trazendo tranquilidade, unifica todos os aspectos da nossa vida, tem propriedades curativas e lembra as pessoas de se ajudarem mutuamente. Entre os judeus, o Jaspe tinha um significado muito importante pois eles acreditavam que o Jaspe era a primeira pedra fundamental da nova Jerusalém. Os antigos gregos acreditavam que o Jaspe assegurava ao seu usuário harmonia interior e um matrimônio feliz. As mulheres acreditavam que o Jaspe as livrava das moléstias femininas e lhes proporcionava uma gravidez harmônica. Os antigos romanos usavam o Jaspe e acreditavam que ele afastava demônios e espíritos malignos.

Para o corpo físico, o Jaspe é uma pedra muito poderosa e pode estancar sangramentos. Ele harmoniza o sistema nervoso, melhora as moléstias do fígado, estômago e baço. A água fortalecida com Jaspe (elixir) tem efeitos regeneradores sobre o corpo. Em casos de gravidez, diminui náuseas e previne os freqüentes vômitos, proporcionando às gestantes uma gravidez cheia de harmonia e amor ao nascituro.

Na mente humana o Jaspe tem poderes harmonizantes sobre as flutuações negativas do corpo. Ele funciona como um pára-raios e nos livra dos influxos de outras pessoas, proporcionando um alto grau de harmonia interior, que se traduz em mais satisfação e compreensão no matrimônio, na amizade e no exercício da profissão. Na meditação, a penetração sobre o chacra impele as forças do Jaspe sobre a circulação sangüínea em todo nosso corpo. Com ele conseguimos uma fase de distensão e sentimos a nossa alma liberta de bloqueios e constrições.

O Jaspe e as suas variedades costumam agrupar-se no grupo a que pertencem a Ágata e a Calcedônia , que incluem as variedades de quartzo brosas e granulosas. O Jaspe é uma variedade densa e opaca, microcristalina, de quartzo e os seus grãos são nos, semelhantes a grãos de açúcar ocorrendo em nódulos ou no enchimento de fissuras numa variedade de cores: castanho, branco, cinzento azulado, cinzento, laranja, amarelo, vermelho, rosado, verde, púrpura, multicolor.

A característica mais referida do Jaspe é a de proteger e nutrir, razão pela qual lhe é dado o nome de “pedra nutridora”. É uma pedra do elemento Terra com uma energia de frequência lenta e estável, alinhada com o campo eletromagnético do planeta. Como tal, é uma pedra de enraizamento por excelência e também de estabilidade, conforto e segurança, aumentando a força física. A presença do Jaspe equilibra a aura, permitindo um sentimento de completude e de paz. Aumenta a consciência da presença do corpo físico e promove a consciência ambiental e de comunhão entre todos os seres que habitam a Terra.

O Jaspe tem sido usado desde a Antiguidade, sendo a 12ª pedra do peitoral do Grande Sacerdote judaico. Era considerado como uma pedra de proteção, tanto no plano físico como espiritual. Os egípcios gravavam em pedaços de Jaspe símbolos e imagens religiosas, bem como inscrições do Livro dos Mortos e acompanhavam as múmias na sua passagem para o Além. Amuletos e anéis de sinete eram esculpidos em Jaspe. A tradição atribui o nome do apóstolo Pedro à pedra de Jaspe, num paralelismo simbólico em que este representa a “rocha sobre a qual Cristo ergueu a sua Igreja”. Para além disto, os nativos americanos e os europeus da Idade Média atribuíam ao Jaspe a capacidade de trazer chuva.

A grande acessibilidade do Jaspe faz com que tenha pouco valor econômico mas as suas propriedades metafísicas fazem desta uma pedra inestimável, havendo colecionadores que se especializam nas muitas variedades deste mineral. Conforme as suas cores, o Jaspe tem sido associado à prosperidade, à agricultura ou jardinagem e tem sido visto como pedra de nutrição e proteção. A sua proteção é simultaneamente poderosa e suave. O Jaspe equilibra as energias yin e yang e isso ajuda os processos de cura, ao mesmo tempo que traz um sentimento de paz e de tranquilidade.

Atribui-se ao Jaspe uma ação calmante e relaxante no plano mental e emocional, levando a pessoa a sentir-se tranquila mesmo em situações difíceis ou desafiadoras. Ajuda a curar traumas e perturbações emocionais, facilitando o processo de cura profunda a este nível. Esta pedra ajuda a auto cura e leva a encontrar um conforto emocional que gera um sentimento de bondade e de empatia com todos os seres. Talvez seja por isso que a tradição diz que esta pedra traz beleza para a vida de quem a possui, tanto exterior como interior. O Jaspe suaviza todos os processos mentais, sendo por isso uma boa pedra para os estudantes ansiosos na situação de exame ou de teste pois faz superar os medos e ajuda a alcançar a tranquilidade necessária para pensar e resolver os problemas. Como referimos, o Jaspe encontra-se numa grande variedade de cores e de formas

FICHA TÉCNICA DO JASPE SANGUÍNEO HELIOTROPO

Chakra: Base

Elemento: Fogo

Origem:  Brasil, África do Sul, Índia, Austrália, Madagascar

Signo: Escorpião

Dureza: 7  Mohs

Composição:  Óxido de sílica, dióxido com ferro, manganês, enxofre, traços de magnésio

Efeitos esotéricos e psíquicos:

  • Calma
  • Ajuda a controlar a agressividade
  • Rejeita as influências malignas
  • Energia sexual
  • Protege na maternidade
  • Liberação
  • Desoneração de cargas
  • Alta consciência de responsabilidade
  • Reconhecimento
  • Liberdade
  • Sono tranqüilo
  • Senso de segurança
  • Acessibilidade
  • Desacostuma de fumo e álcool
  • Cura

Efeitos terapêuticos:

  • Baço
  • Sangue
  • Frio excessivo
  • Sistema nervoso
  • Bexiga
  • Gravidez
  • Fígado
  • Estômago
  • Baço
  • Excesso de peso
  • Acúmulo de gordura

Conheça 5 excelentes Pedras para Cura

Pedras para Cura são uma das mais maravilhosas, místicas e profundas ferramentas de “medicina energética” que foram utilizadas durante séculos por todas as culturas, religiões e impérios. As pedras e cristais de cura podem trazer benefícios surpreendentes de harmonização e cura, do ser indivíduo e ambiente. As gemas podem ser utilizadas em estado bruto, polidas ou em seus diversos tipos de lapidação e talhes.

Cada pedra ou cristal tem um poder e uma energia diferente. Elas transmitem força, cura e algumas são capazes de purificar a energia negativa de pessoas e ambiente. Os metafísicos moderna afirmam, como conclusão de profundos estudos, que a forma física é composta de energia e não apenas de matéria como se pensa. Concluímos, portanto, que tudo que existe é manifestação externa de uma forma de energia numa determinada frequência de vibração. Causa e Efeito. Como resultado disso tudo, cada vez se tem maior noção do poder de cura dos cristais.

As pedras, cristais e o seu poder de cura tem tido grande aceitação cada vez mais como uma forma de “medicina alternativa” com potenciais de harmonização, cura e atração de boas energias e sorte. Também há as pedras dos signos, que representam energias específicas dos respectivos signos.

Os cristais fazem parte do reino mineral, o primeiro reino a aparecer no Universo. Essas pedras têm arranjo molecular perfeito e eletromagnético de alta frequência. São, por isso, capazes de alterar a energia de quem está por perto. Pode-se verificar as qualidades extraordinárias dos cristais quando se segura uma pedra, sentindo as ressonâncias desse mineral. Os cristais, corpo sólido abundante na natureza, sempre foram conhecidos por sua beleza e poderes de cura. Desde os tempos mais remotos, os cristais exercem uma profunda influência nos homens que os têm utilizado na procura pelo equilíbrio físico, emocional, mental e espiritual.

Os gregos consideravam os cristais como o terceiro olho da Terra e os romanos os utilizavam para os rituais de captação de energia do cosmos.

Conheça agora a nossa lista das 5 maravilhosas Pedras para Cura:

Pedras para Cura

QUARTZO VERDE

O quartzo verde (também conhecido como aventurina) é a pedra da cura por excelência, apelidado de “o enfermeiro”. Embora todas as pedras verdes possam ser usadas para este fim curativo, o quartzo verde é considerado como o principal ativador da cura, pois age como estabilizador do tronco do emocional sobre o físico, segurando este impacto e amenizando os prejuízos desta relação quando desequilibrada.

É a pedra que vai cuidar também das relações de simpatia e antipatia entre as pessoas, ou seja, estabiliza também os impactos causados pelos desencontros de magnetismo nos relacionamentos e que podem gerar desestabilizações e mal-estar. Em qualquer caso de doença pode e deve ser usado, principalmente quando não temos um diagnóstico preciso ou quando não sabemos o que fazer, como tratar. O quartzo verde pode ser usado para todo tipo de doenças: mentais, emocionais ou físicas.

Embora todas as pedras verdes possam ser usadas para este fim curativo, o Quartzo verde é considerado como o principal ativador da cura, pois age como estabilizador do tronco do emocional sobre o físico,  segurando este impacto e amenizando os prejuízos desta relação quando desequilibrada.  O Quartzo verde é chamado de “o enfermeiro”. É a pedra que vai cuidar também das relações de simpatia e antipatia entre as pessoas, ou seja, estabiliza também os impactos causados pelos desencontros de magnetismo nos relacionamentos e que podem gerar desestabilizações e mal-estar. Em qualquer caso de doença pode e deve ser usado, principalmente quando não temos um diagnóstico preciso ou quando não sabemos o que fazer, como tratar.

Pedras para Cura

AMETISTA

O nome Ametista vem do Grego Amethystós e significa “não ébrio”. Isso porque é um dos melhores cristais para ajudar a libertar de vícios, principalmente o alcoolismo (daí seu nome “não ébrio”), liberta a necessidade dos excessos e amplifica o discernimento e o bom senso. Também ajuda em processos emocionais, afasta a culpa, a ilusão e tendências para o escapismo. Excelente para amenizar as tempestades emocionais,  estabilizar e a estar mais consciente de toda a agitação.

Os gregos acreditavam que essa pedra os protegia de feitiçaria, nostalgia, maus pensamentos, embriaguez, e da penetração dessas forças sobre o espírito. Acreditavam também que essa pedra podia transformar maus pensamentos em otimismo¸ libertando-nos de falsos amigos.

São inúmeros os benefícios da ametista para a psique humana. Este cristal faz com que seu portador possa fazer juízos corretos, favorece e fortalece verdadeiras amizades, ao mesmo tempo que afasta falsos amigos. As Ametistas difundem através de sua irradiação mais harmonia, senso de coesão da família, calor e sensação de renascimento. Durante a meditação, ela transmite impulsos agradáveis a respeito de alegria de viver, de participação e solução de problemas. Ao mesmo tempo, ela transmite um alto grau de paz, alegria, calma e harmonia. Um cordão de Ametistas infunde mais temperamento e uma difusão irresistível.

No corpo físico, a ametista auxilia na cura de diversos problemas, doenças e disfunções no  pâncreas, vasos sangüíneos, coração, cabelos, pele, cabeça, circulação, fígado, nervos, estresse.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.

Pedras para Cura

JADE NEFRITA

A jade nefrita, no sentido amplo, simboliza a retidão, o poder, predispondo à calma, à tolerância, à harmonia, à paz, assegurara a honestidade, a temperança, a tolerância. Ela dinamiza nosso desenvolvimento emocional, nos tiraria a tensão, trazendo uma sensação de satisfação e prolongara a vida. Foi descrito que a nefrita era a resposta para acalmar as cólicas nefríticas (donde o nome da nefrita), agir sobre os cálculos renais e todas as infecções da árvore urinária. Era necessário o colocar no lugar dolorido e o desengordurar todos os trimestres com o pó de osso calcinado. E é necessário acrescentar que os chinêses (que bebiam uma medida, esmagado e dissolvido, misturado ao suco de ervas).

A jade nefrita era reputado por suas virtudes curativas e o imperados Rodolphe II de Habsbourg compraram um pedaço por 1 600 écus. Uma excelente pedra de cura na luta contra a gota, as ciáticas, a epilepsia, as mordidas venenosas.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.

HEMATITA

Pedras para Cura

Hematita é uma pedra de Alta Freqüência energética, com a propriedade de movimentar ondas vibracionais capazes de promover desbloqueios energéticos, dissipando as toxinas e energias eletromagnéticas paradas. Trocando em miúdos, esta pedra é doadora incondicional de vida, movimento, ação. Ela é capaz de tratar inchaços, pois movimenta e desbloquear a energia parada; trata de traumatismos localizados, provenientes de pequenas batidas ou pancadas, não deixando “ficar roxo”, se colocada logo após. Trata da circulação sanguínea, produção e qualidade do sangue. É auxiliar no tratamento de anemias, favorecendo vibracionalmente a absorção do ferro pelo organismo, trazendo a revitalização orgânica. Tem também uma propriedade depurativa, ajudando o organismo na eliminação de toxinas do sangue. Auxilia no alinhamento energético, e também é auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico de forma vibracional

Pedras para Cura

MAGNETITA

Ela pode se tornar uma pedra a ser usada em um futuro próximo pela ciência médica. E isso tem ocorrido nos últimos anos com o uso da terapia magnética. Ela tem tido resultados positivos na Inglaterra e no Japão, porém como ocorre com qualquer técnica ou tecnologia nova, há alguma controvérsia relativa a seus efeitos. No entanto, a Magnetita tem sido extensamente usada com resultados positivos em contusões esportivas e asma.

A Magnetita combate o desequilíbrio mental, alivia a tensão emocional e aumenta a potência sexual. Desde os primórdios da Idade Média os efeitos terapêuticos da Magnetita foram reconhecidos e continuam sendo hoje em dia considerados valiosos na Terapia Naturista e na Medicina. Através de suas propriedades magnéticas, ela exerce um efeito harmonizante sobre todo o corpo; regula o teor de líquido e orienta as funções das glândulas; estabiliza a circulação sanguínea. A Magnetita é uma poderosa pedra energizante.

Na psique humana a Magnetita limpa todo o corpo e elimina os bloqueios ocasionados pelo cérebro. Trata-se de uma pedra harmonizante, que protege contra raios e tem efeito extraordinariamente relaxante sobre a aura. No campo da meditação, esta pedra é muito apreciada, em razão de sua intuitiva percepção e rápida transformação para um plano mais elevado.

Saiba mais sobre este cristal clicando AQUI.